10:33 20 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Temos de parar com esse mito de que mais regulação e um maior número de leis é melhor para o trabalhador, disse Maia

    Câmara deve aprovar Reforma Trabalhista em abril antes da Previdência, anunciou Maia

    Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados
    Brasil
    URL curta
    9348210

    O Presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia, afirmou nesta segunda-feira(20), que deve acontecer na primeira quinzena de abril a aprovação da reforma Trabalhista.

    Ao participar de um evento em São Paulo, na Câmara Americana de Comércio (Amcham), Maia declarou que logo em seguida, o Plenário vai apreciar a reforma da Previdência.

    "A gente vota a modernização da lei trabalhista e, depois, começa a votar a Previdência. É uma escada correta para gerar um ambiente favorável às reformas, que vão melhorar as condições do País."

    Segundo o presidente da Câmara, nesta semana já deve ser  votado no Plenário o projeto de lei que regulamenta a terceirização do trabalho (PL 4302/98). Para Rodrigo Maia, a grande quantidade de regras na legislação trabalhista é uma das causas do desemprego no país e citou como exemplo o sistema trabalhista dos Estados Unidos.

    "Temos de parar com esse mito de que mais regulação e um maior número de leis é melhor para o trabalhador. Os Estados Unidos são flexíveis nessa área, e todos os brasileiros têm um sonho de ir para lá."

    O presidente da Câmara também voltou a defender mudanças no sistema eleitoral brasileiro já a partir de 2018. De acordo com Rodrigo Maia, o Brasil não precisa de um novo sistema, mas sim procurar experiências que já foram bem sucedidas em outros países.  "O Brasil não pode entrar na próxima eleição com esse sistema do jeito que está."

     

    Tags:
    abril, reforma da previdência, reforma trabalhista, votação, Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik