11:19 13 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Gilberto Kassab recua sobre limitar internet banda larga

    Kassab volta atrás e desiste de limitar banda larga fixa

    Alexandra Martins_Câmara dos Deputados
    Brasil
    URL curta
    21141

    Depois de causar polêmica e protestos nas redes sociais, o ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) Gilberto Kassab recuou nesta sexta-feira (13) em relação a determinar um limite de dados da banda larga fixa.

    Kassab tinha anunciado que até o final de 2017 o limite de dados seria implantado para os usuários que utilizavam esse tipo de conexão.

    Na manhã desta sexta-feira (13), o presidente da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), Juarez Quadros, negou a limitação, afirmando que não pensa e nunca pensou em retirar a medida cautelar que está em vigor e que permite o uso ilimitado de dados em pacotes de internet de banda larga fixa.

    Inicialmente, a pasta soltou uma nota dizendo que o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações ia atuar para que o direito do consumidor fosse respeitado. "O governo federal vai atuar para que o direito do consumidor seja respeitado e para que não haja essa alteração em observância do Código de Defesa do Consumidor. O MCTIC aproveita para esclarecer também que os estudos, quando finalizados, podem indicar que o melhor modelo é o ilimitado, com isso o governo federal deverá mantê-lo."

    Enquanto isso, os hackers do grupo Anonymous faziam ameaças ao ministro Gilberto Kassab contra a possível medida, vazando várias informações do ministro na rede, como endereço completo, contas de poupança, participação acionária em empresas, entre outros.

    Após a polêmica e as ameaças, no final da tarde desta sexta-feira (13) uma nova nota do Ministério trouxe a informação de que o mistro Kassab tinha voltado atrás, garantindo que não mudará o modelo atual de planos de banda larga fixa.

    Segue a nota da assessoria do MCTIC encaminhada para a Sputnik:

    "O ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, esclarece que não haverá mudanças no modelo atual de planos de banda larga fixa, reiterando seu compromisso em atender o interesse da população e do consumidor."

     

     

     

     

     

    Tags:
    Anonymous, ameaças, limite, recuo, banda larga, MCTIC, Anatel, Gilberto Kassab, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik