11:55 16 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Fronteira Brasil x Venezuela em Pacaraima

    Ainda há impasse para a abertura total da fronteira entre Brasil e Venezuela

    Reprodução
    Brasil
    URL curta
    660
    Nos siga no

    Permanece fechada nesta terça-feira (3) a fronteira do Brasil com a Venezuela por determinação do presidente Nicolás Maduro. A previsão era de que a fronteira seria aberta totalmente entre os países na segunda-feira (2), mas a medida não foi cumprida e segue sem previsão para acontecer.

    A fronteira está fechada desde dezembro. A ação de Maduro já foi prorrogada por duas vezes e seria segundo ele, uma maneira de enfraquecer supostas máfias que estariam contrabandeando notas de 100 bolívares, a nota mais alta do país. Para o presidente venezuelano, essa seria uma tática dos criminosos para enfraquecer a economia nacional.

    Logo de início, a fronteira ficou completamente fechada e vários turistas brasileiros tiveram que deixar o país vizinho de forma clandestina. Porém após negociações entre o Itamaraty e o governo da Venezuela, a saída dos brasileiros foi permitida e agora a fronteira está parcialmente aberta. 

    Porém, para atravessar de carro, os turistas ainda precisam entrar em contato com o vice-consulado do Brasil, que fica em Santa Elena de Uairén, para incluir os nomes em uma lista a ser entregue às autoridades venezuelanas da fronteira.

    Após participar de uma reunião nesta segunda-feira (2) com representantes da segurança da Venezuela, a secretária de Relações Internacionais do governo de Roraima, Verônica Caro explicou que neste momento só há restrições para a passagem de carros. A secretária informou que ainda não há prazo para a abertura total da fronteira entre os países.

    "A passagem operacional está aberta. As importações e as exportações, ou seja, a passagem dos caminhões também está acontecendo. A única coisa que não está permitida é a passagem dos veículos, ele não pode dar a ordem de abrir totalmente a fronteira. Sobre isso estamos aguardando um pronunciamento do presidente Maduro, que pode ser a qualquer momento."

    Ainda de acordo com a  secretária de Relações Internacionais do governo de Roraima, nesta terça-feira (3), o posto de combustível internacional de Santa Helena de Uairén voltou a funcionar e será permitida a entrada de carros brasileiros para fazer o abastecimento. O controle dos veículos está sendo feito pela Guarda Nacional da Venezuela. 

    O local estava com as atividades suspensas devido ao fechamento da fronteira. A unidade atende os moradores de Pacaraima – cidade brasileira na fronteira com a Venezuela, já que o município roraimense não possui um posto de combustível e depende da cidade vizinha. 


    Tags:
    fronteira, parcial, abertura, Secretaria de Relações Internacionais do governo de Roraima, Verônica Caro, Nicolás Maduro, Venezuela, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar