22:19 23 Maio 2019
Ouvir Rádio
    Presidente da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), Marcio Lacerda, fala com jornalistas após encontro com o presidente Michel Temer

    Prefeitos apelam para Temer por liberação da multa da repatriação

    Valter Campanato/Agência Brasil
    Brasil
    URL curta
    701

    Após encontro nesta quinta-feira (29) com o presidente Michel Temer, o prefeito de Belo Horizonte e presidente da Frente Nacional de Prefeitos, Márcio Lacerda saiu desanimado da reunião afirmando que o Tribunal de Contas da União não liberou antecipadamente a verba das multas do programa de repatriação aos municípios, como era previsto.

    Os prefeitos esperavam a verba, após o anúncio do Ministério da Fazenda na quarta-feira (28) de que cerca de R$ 4,4 bilhões dos recursos seriam depositados nesta quinta (29), desta forma os municípios poderiam usar a verba ainda em 2016. 

    De acordo com o  presidente da Frente Nacional de Prefeitos, o TCU informou ao Palácio do Planalto de que como se tratava de Medida Provisória o depósito estava previsto para o dia 30, sendo assim, não poderia ser liberada no dia 29, como prometeu o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles. Como dia 30 não terá expediente bancário o pagamento poderá será feito somente no ano que vem, o que será um prejuízo para muitos prefeitos. Segundo Lacerda, sem a verba, cerca de 60% dos municípios terão dificuldades para cumprir as exigências da Lei de Responsabilidade Fiscal e os prefeitos poderão ser punidos.

    Márcio Lacerda disse ainda que veio agradecer Temer pela antecipação do pagamento e que a parcela da multa da repatriação é a reivindicação mais urgente dos prefeitos. Lacerda ressaltou ter pedido também mais protagonismo para os municípios.

    "Aproveitamos para reafirmar ao presidente, já falamos com o Congresso, com a Ministra Cármen Lúcia, presidente do STF e com o próprio ministro da Fazenda de que nós precisamos de um protagonismo maior dos municípios na discussão dos ajustes necessários nesse momento na economia brasileira naquilo que interessa aos municípios. O presidente assumiu o compromisso de a partir da segunda quinzena de fevereiro chamar os municípios para a discussão conjunta  com a Fazenda e o Congresso naqueles assuntos de interesse dos municípios."

    Os prefeitos saíram da reunião com Temer direto para o TCU, para tentar reverter a decisão e resolver o impasse. Se nada puder ser feito, Lacerda informou que sugeriu ao presidente Michel Temer para realizar uma nova medida provisória para garantir o repasse da verba para os

    Tags:
    municípios, apelo, repatriação, verbas, liberação, TCU, Frente Nacional de Prefeitos (FNP), Michel Temer, Márcio Lacerda, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar