20:44 18 Junho 2019
Ouvir Rádio
    Dom Paulo Evaristo Arns morre aos 95 anos

    Símbolo da resistência contra ditadura militar, Dom Paulo Evaristo Arns morre aos 95 anos

    Luiz Guadagnoli / Fotos Públicas
    Brasil
    URL curta
    630

    Morreu nesta quarta-feira (14) o cardeal Dom Paulo Evaristo Arns, Arcebiso Emérito da Arquidiocese de São Paulo. A causa da morte foi uma broncopnmeumonia.

    Internado desde o dia 28 de novembro, Dom Paulo teve uma piora no quadro e morreu nesta manhã aos 95 anos de idade.

    A biografia de Arns é marcada por forte resistência aos horrores da ditadura militar brasileira, sendo um importantes defensor dos direitos humanos. Seu trabalho pastoral foi voltado principalmente a moradores da periferia, aos trabalhadores, à formação de comunidades eclesiais de base nos bairros e à defesa e promoção dos direitos humanos. 

    ​A atuação do cardeal durante o regime militar ganhou importância a partir de 1969, quando passou a defender seminaristas dominicanos presos por ajudarem militantes opositores, e 1971, quando denunciou a prisão e tortura de dois agentes de pastoral.

    Tags:
    cardeal, ditadura militar, morte, resistência, direitos humanos, Dom Evaristo Arns, São Paulo, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar