15:01 23 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Polícia utilizou gás lacrimogêneo para dispersar a multidão após o fim do ato contra o presidente Temer

    Polícia entra em confronto com manifestantes na capital paulista

    © AFP 2017/ Miguel SCHINCARIOL
    Brasil
    URL curta
    15855518

    A polícia de São Paulo respondeu com violência a atos realizados por manifestantes na noite deste domingo na capital paulista. Até o momento, não há informações claras sobre como o tumulto teria começado, mas os ativistas acusaram a PM de utilizar bombas e tiros com balas de borracha para dispersar a multidão logo após o anúncio do fim do protesto.

    Gases disparados pela polícia impregnaram o metrô da cidade, provocando mal-estar inclusive entre crianças e idosos que estavam no local.

    Indignados, os manifestantes, que até então realizavam um ato aparentemente pacífico contra o governo do presidente Michel Temer, começaram a cantar pedindo o fim da Polícia Militar.

    Mais:

    São Paulo tem grande protesto contra o governo Temer
    Rio tem mais um dia de protestos contra Temer
    Manifestação no Rio de Janeiro contra Michel Temer
    Tags:
    protesto, manifestação, Polícia Militar, Michel Temer, Brasil, São Paulo
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik