17:12 22 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Exército inicia operações no Rio Grande do Norte

    Polícia de SP prende militares do Exército com três toneladas de maconha

    Divulgação Sesed/RN
    Brasil
    URL curta
    574
    Nos siga no

    A Polícia de São Paulo prendeu em flagrante, na madrugada desta sexta-feira (28), em Campinas (cidade distante cerca de 90 quilômetros de São Paulo), três militares do Exército e outras duas pessoas por porte de drogas. Foram apreendidas três toneladas de maconha.

    De acordo com Agência Brasil, o envolvimento dos presos com o tráfico de drogas vinha sendo investigado há três meses pela Secretaria de Segurança Pública (SSP) de São Paulo, uma equipe da 5ª Delegacia da Divisão de Investigações sobre Entorpecentes (Dise), do Departamento Estadual de Prevenção e Repressão ao Narcotráfico (Denarc).

    No meio da apuração, os policiais descobriram que o carregamento de maconha seria entregue em uma empresa desativada, utilizada como estacionamento, em Campinas. Os militares trouxeram a droga de Campo Grande (MS) e foram detidos no momento da entrega a um grupo de civis dos quais dois foram presos.

    O Exército informou hoje, em São Paulo, por meio de nota, que os três militares são cabos lotados no 20.º Regimento de Cavalaria Blindado (20.º RCB), sediado em Campo Grande, e que eles serão expulsos da corporação.

    "O Exército brasileiro não admite atos desta natureza que ferem os princípios e valores mais caros sustentados pelos integrantes da Força. Diante da gravidade do fato, que desonra a instituição e atinge a nossa sociedade, os militares encontram-se presos e serão expulsos do Exército" – diz o comunicado.

    Mais:

    Filha de Obama fuma maconha?
    Maconha foi encontrada na água no Colorado
    Partido japonês apoia legalização da maconha
    São Paulo sedia Marcha da Maconha 2016
    Tags:
    militares, maconha, prisão, Polícia Militar, Exército, São Paulo
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar