09:08 03 Março 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    0 31
    Nos siga no

    Depois de uma vai e vem de datas para a nova eleição da presidência da Câmara, o presidente interino da Casa, Waldir Maranhão confirmou nesta sexta-feira (8), que a eleição para substituir Eduardo Cunha vai mesmo acontecer na próxima quinta-feira (14). A decisão de Maranhão foi publicada nesta sexta-feira (8) no Diário da Câmara.

    Logo após a renúncia de Eduardo Cunha, os líderes partidário fizeram uma reunião de emergência e decidiram por maioria, antecipar a eleição para a presidência da Câmara para terça-feira (12).

    No entanto, Waldir Maranhão, reafirmou nesta sexta-feira (8), que cumprirá o Regimento da Câmara, que diz que se até 30 de novembro do segundo ano de mandato verificar-se qualquer vaga na Mesa, ela será preenchida mediante eleição, dentro de cinco sessões.

    "A Presidência já tinha tomado a decisão de fazer a eleição na quinta e assim o será", disse Maranhão.

    Maranhão confirmou ainda nesta sexta-feira (8), a exoneração, do secretário-geral da Mesa Diretora, Silvio Avelino, que participou da reunião de líderes.

    Até o momento, quatro deputados já registraram candidatura para concorrer à presidência da Câmara: Fausto Pinato (PP-SP), Carlos Henrique Gaguim (PTN-TO), Carlos Manato (SD-ES) e Marcelo Castro (PMDB-PI). Os deputados interessados em assumir o cargo podem se registrar até às 12h do próprio dia 14 de julho, junto à Secretaria-Geral da Mesa. 

    Tags:
    eleição, presidência, Câmara dos Deputados, Waldir Maranhão, Brasília, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar