05:47 19 Janeiro 2018
Ouvir Rádio
    Comissão quer reduzir prazo de defesa de Dilma e agilizar decisão do impeachment

    Chega ao fim a fase de depoimentos de testemunhas na Comissão do Impeachment

    Edilson Rodrigues/Agência Senado
    Brasil
    URL curta
    811

    A Comissão do Impeachment concluiu nesta quarta-feira (29) a fase de depoimentos de testemunhas, informou Agência Brasil.

    Após ouvir as quatro últimos depoentes da defesa da presidenta Dilma Rousseff, os senadores encerraram também os trabalhos da comissão nesta semana e convocaram a próxima reunião para o dia 5 de julho, quando serão ouvidos os peritos que analisaram os documentos que embasam a denúncia.

    Nesta quarta-feira, os senadores ouviram o diretor do Departamento de Financiamento e Proteção da Produção do Ministério do Desenvolvimento Agrário, João Luiz Guadagnin; o procurador do Banco Central, Marcel Mascarenhas dos Santos; o chefe adjunto do Departamento Econômico do Banco Central, Fernando Rocha; e o analista de Finanças e Controle e Subsecretário de Política Fiscal da Secretaria do Tesouro Nacional, Paulo José dos Reis Souza.

    Ao final da fase de oitivas, tanto a acusação quanto a defesa se disseram confiantes sobre suas teses. Na próxima semana, além da oitiva dos peritos, está previsto o depoimento da presidenta afastada. Dilma ainda não decidiu  irá pessoalmente ao Senado ou se enviará um depoimento por escrito.

    A Comissão do Impeachment ouviu um total de 45 testemunhas (39 de defesa, duas de acusação e quatro arroladas pelo juízo).

    Mais:

    Comissão do Impeachment: penúltimo dia de depoimentos de testemunhas
    Aldo Rebelo defende Dilma e diz que Comissão do Impeachment é formalidade
    Comissão do Impeachment é suspensa após apagão em Brasília
    Começa a última fase da Comissão Especial do Impeachment
    Tags:
    impeachment, Senado, Dilma Rousseff, Brasil, Brasília
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik