06:53 16 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Michel Temer durante reunião com ministros do núcleo de infraestrutura e líderes do governo
    Marcos Corrêa/PR

    Temer quer que ministros de infraestrutura foquem na conclusão de obras no país

    Brasil
    URL curta
    303

    Priorizar a conclusão das obras de infraestrutura no país. Este foi o tema principal da reunião desta segunda-feira (27) do presidente interino Michel Temer com ministros do núcleo de infraestrutura. A reunião faz parte da estratégia de formar núcleos temáticos transversais de governo.

    Em coletiva à imprensa, o Ministro das Cidades Bruno Araújo disse que Michel Temer determinou aos seus ministros da área de infraestrutura, que priorizem a conclusão das obras em andamento, que este seja o principal foco de planejamento e organização do ministério, no sentido de preservar os recursos dos brasileiros que já estão aplicados, e precisam ter a sua efetividade com as obras entregues. De acordo com Bruno Araújo uma das prioridades é o projeto de revitalização do Rio São Francisco.

    “Sobretudo a preocupação do projeto de revitalização do Rio São Francisco, já determinamos a primeira reunião que deve se confirmar no Nordeste,  presidindo o Conselho de Revitalização do São Francisco como prioridade do rio de integração nacional, do rio que dá suporte a esse grande projeto, investimentos de bilhões de reais da Federação, bem como todo um suporte de um rio que tem além da importância da geração de energia, da integração nacional, que representa na vida de dezenas de milhões de brasileiros, de Minas Gerais até a sua Foz.”

    Bruno Araújo também citou como exemplo, a retomada na semana passada das obras do programa habitacional do governo Minha Casa, Minha Vida, que segundo o Ministro das Cidades, estavam paralisadas devido à má gestão de recursos e falta de planejamento do governo afastado.

    Também participaram da reunião, com os ministros da infraestrutura, os líderes do governo na Câmara e no Senado e Congresso Nacional. No encontro ficou acertado que o governo federal vai enviar semanalmente relatórios para que os membros do Congresso acompanhem o andamento das obras do Poder Executivo.

    O deputado André Moura, líder do PMDB na Câmara dos Deputados avaliou como muito positiva, a realização de encontros como este, pois estreita cada vez mais a parceria e harmonia entre os poderes Legislativo e Executivo.

    “Nós vamos continuar trabalhando em harmonia, o poder Legislativo com o poder Executivo, que já está trazendo resultados extremamente positivos para o país. Em tão pouco tempo de governo, apenas 44 dias de governo nós aprovamos matérias importantes, que se arrastavam na Câmara Federal, no Congresso Nacional há vários meses, matérias que possibilitam a retomada do crescimento e também a estabilidade da economia.”

    Ainda foram temas  discutidos na reunião a possibilidade da Eletrobras vender a participação que tem em empresas elétricas, para abater as suas dívidas no mercado, a utilização do fundo de investimento ligado ao FGTS — Fundo de Garantia por Tempo de Serviço para financiar  projetos de concessão e parcerias público privadas na área de infraestrutura com um caixa de cerca de R$ 20 bilhões, além de conversarem também sobre um projeto de lei que está sendo analisado pelo Ministério do Meio Ambiente para promover uma diferenciação dos licenciamentos ambientais no país.

    Na semana passada Temer já tinha feito a primeira reunião de um outro grupo temático criado pelo governo interino, para tratar de forma mais rápida assuntos considerados emergentes e prioritários: que foi o núcleo institucional, que agrega as pastas ministeriais da Casa Civil, da Justiça, Defesa, Relações Exteriores, Planejamento, Transparência, além do Gabinete de Segurança Institucional, Secretaria de Governo e Advocacia-Geral da União.

    O governo ainda criou na última semana, o Comitê Econômico, formado pelos Ministérios do Planejamento; das Relações Exteriores; da Indústria, Comércio e Serviços; da Agricultura, Pecuária e Abastecimento; da Ciência, Tecnologia e Inovação; do Trabalho e Turismo, além da Casa Civil.  Este grupo tem como  objetivo de estudar medidas para a retomada da atividade econômica do país. Na 1ª reunião ficou decidido que seus integrantes entregarão em 15 dias para Michel Temer propostas visando à retomada da atividade econômica.

    Tags:
    São Francisco, rio, obras, infraestrutura, Governo Federal, Brasil, Brasília
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik