07:57 21 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    José Serra, chanceler do governo provisório Temer

    Brasil, Argentina e Bolívia discutirão ações contra crimes de fronteira

    © AFP 2019/ EVARISTO SA
    Brasil
    URL curta
    222
    Nos siga no

    Representantes do Brasil, da Argentina e da Bolívia vão se reunir no final de julho com o objetivo de discutir uma ação conjunta para combater os crimes de fronteiras, como tráfico de drogas, contrabando de armas e mercadorias, disse nesta quinta-feira (23) o ministro interino de Relações Exteriores, José Serra, informou Agência Brasil.

    Michel Temer comenta delações de Sérgio Machado
    Marcelo Camargo/Agência Brasil
    Para Serra, nos últimos anos as ações brasileiras nessa área têm sido “cíclicas”, sendo iniciadas e depois paralisadas. “A ideia é ter uma ação continuada. E isso precisa ter um acerto entre governos, inclusive, com cooperação de equipamentos e homens.”

    O ministro voltou a dizer que o Brasil vai disponibilizar medicamentos produzidos por laboratórios públicos brasileiros a serem enviados à Venezuela. Os lotes com aproximadamente 15 tipos de medicamentos básicos serão distribuídos por meio da Cáritas Brasileiras, entidade que atua na defesa dos direitos humanos, da segurança alimentar e do desenvolvimento sustentável solidário.

    Mais:

    Servidores do Itamaraty enviam carta aberta a José Serra
    Serra ordena diplomatas no exterior a combater propagação da ideia de que houve golpe
    José Serra em Buenos Aires: a Argentina é o melhor caminho até os EUA?
    Serra devolve favores
    Serra elogia apoio dos EUA ao impeachment
    Tags:
    Itamaraty, José Serra, Venezuela, Bolívia, Argentina, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar