23:47 24 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Dilma Rousseff

    Dilma comenta atentado em Orlando e condena intolerância e preconceito

    © AFP 2017/ VANDERLEI ALMEIDA
    Brasil
    URL curta
    Massacre em boate nos EUA (25)
    1143315

    A presidente afastada do Brasil, Dilma Rousseff, lamentou o atentado que deixou 50 mortos em uma boate gay em Orlando.

    “Estamos vivendo momentos terríveis, tempos de preconceito e intolerância que ceifam vidas humanas”, disse Rousseff, segundo a Agência Brasil.

    Na madrugada deste domingo, um homem abriu fogo em uma boate gay, em Orlando, provocando 50 mortes e deixado outras 53 pessoas feridas.  O massacre começou às 2h e terminou às 5h locais, com a morte de Omar Mateen, o atirador. Ele fez reféns por cerca de três horas até que a polícia decidiu entrar no local e o matou o homem durante uma troca de tiros. O Daesh assumiu a autoria do atentado.

    Dilma também manifestou seus sentimentos às famílias das vítimas, ao presidente americano, Barack Obama, e ao povo dos Estados Unidos. “Vamos juntos lutar contra esta barbárie”.

    Tema:
    Massacre em boate nos EUA (25)

    Mais:

    Daesh assume autoria de atentado em Orlando
    Trump classifica atentado de Orlando como demonstração de ódio islâmico
    Temer lamenta atentado em Orlando
    Tags:
    mortes, tiroteio, atentado, Daesh, Dilma Rousseff, EUA, Orlando, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik