03:37 21 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Polícia Federal em ação na Construtora Odebrecht em São Paulo.

    'Japonês da Federal' é preso pela PF em Curitiba

    Rovena Rosa/ Agência Brasil
    Brasil
    URL curta
    211010132

    O agente da Polícia Federal Newton Ishii, o ‘Japonês da Federal’ que ficou conhecido por escoltar investigados da Operação Lava Jato, foi preso na terça-feira (7) pela PF em Curitiba.

    Ishii ganhou popularidade através da mídia e das redes sociais por aparecer constantemente em fotos de prisões e detenções de importantes empreiteiros e políticos envolvidos na Operação Lava Jato, se tornando uma espécie de símbolo da investigação.  

    Ishii foi condenado a quatro anos e dois meses, ainda em 2003, em virtude de ação de corrupção batizada Operação Sucuri, na qual teria facilitado esquemas de contrabando. 

    O nome de Newton Ishii também aparece na gravação que levou à prisão do senador Delcídio Amaral, em Brasília. O agente é citado durante a conversa quando o grupo discute quem estaria vazando informações para revistas. Delcídio chega a chamar um policial que seria ele de "japonês bonzinho". 

    O agente deve cumprir pena em regime semiaberto, de acordo com o advogado do agente, Oswaldo de Mello Junior. 

    Mais:

    Condenado à prisão, japonês da Federal inspira memes kafkianos na Internet brasileira
    Temer pede união para reverter crise no país e garante não interferir na Lava-Jato
    Preso na Lava Jato, empresário Marcelo Rodrigues é solto por Sérgio Moro
    Lava Jato: ‘Nós, policiais federais, estamos vulneráveis às vontades do momento político’
    Tags:
    corrupção, preso, japonês da federal, Operação Lava Jato, Polícia Federal, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik