10:44 10 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Presidente interino, Michel Temer.

    Brasil de Temer ganha 'medalha de ouro para corrupção', diz New York Times

    © AP Photo / Felipe Dana
    Brasil
    URL curta
    4454
    Nos siga no

    O jornal norte-americano ‘The New York Times’ publicou nesta segunda-feira (6) um editorial intitulado “A Medalha de Ouro do Brasil para Corrupção”, questionando o compromisso do presidente interino, Michel Temer, com o combate à corrupção.

    A publicação pede que Temer se posicione contra o fim da imunidade parlamentar para ministros e congressistas acusados de corrupção.

    "Segundo a lei brasileira, altos funcionários do governo, incluindo os legisladores, gozam de imunidade contra processos na maioria das circunstâncias. Essa proteção irrácional claramente permitiu uma cultura da corrupção institucionalizada e da impunidade. Os investigadores descobriram que os contratos da Petrobras rotineiramente incluíam uma taxa de propina e que este dinheiro de suborno foi dirigido aos partidos políticos”, afirma o jornal. 

    O editorial também faz referência à ficha suja de membros do atual governo, que tem sete ministros investigados por corrupção em sua composição.

    "As nomeações reforçaram as suspeitas de que o afastamento temporário da presidente Dilma Rousseff no mês passado, por acusações de maquiar ilegalmente as contas do governo, teve uma segunda intenção: afastar a investigação (de corrupção)", afirma o jornal.

    O texto aponta também as renúncias do ex-ministro do Planejamento, Romero Jucá, e posteriormente do ex-ministro da Transparência, Fabiano Silveira, que indicaram em conversa telefônica um esquema para impedir o prosseguimento da Operação Lava Jato.

    "Isto forçou Temer a prometer, na semana passada, que o Executivo não interferirá nas investigações na Petrobras, nas quais estão envolvidos mais de 40 políticos. Considerando os homens de quem Temer se cercou, a promessa soa oca", destaca o New York Times. 

    O jornal conclui dizendo que “se o o presidente interino merece ganhar a confiança dos brasileiros, muitos dos quais afirmam que o afastamento de Dilma Rousseff foi um golpe, ele e seu gabinete devem tomar medidas significativas contra a corrupção”.


    Mais:

    Governo Temer autoriza reajuste de até 13,57% em planos de saúde, acima da inflação
    Temer passará final de semana com a família em SP
    Temer comemora aprovação de DRU e pacote de reajustes ao funcionalismo público de R$ 58 bi
    Violência policial durante protesto contra governo de Temer no Brasil
    Embaixador do Brasil na Rússia: Michel Temer abrirá Olimpíadas no Rio
    Tags:
    medalha, corrupção, The New York Times, Dilma Rousseff, Michel Temer, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar