22:59 15 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Parlamentares repercutem conversas divulgadas entre Renan Calheiros e ex-presidente da Transpetro

    Jucá e Calheiros negam ter recebido dinheiro de ex-presidente da Transpetro

    Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
    Brasil
    URL curta
    541
    Nos siga no

    Após a divulgação pela imprensa de que, na delação premiada, o ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado teria afirmado que pagou a líderes do PMDB pelo menos R$ 70 milhões desviados da empresa, os senadores Romero Jucá (PMDB-RR) e Renan Calheiros (PMDB-AL) negaram ter recebido recursos de Machado, segundo informou a Agência Brasil.

    De acordo com reportagem do jornal O Globo, Machado relatou ter repassado R$ 30 milhões em dinheiro de propina de contratos da estatal para Renan Calheiros, R$ 20 milhões para o ex-senador José Sarney e R$ 20 milhões para o senador e ex-ministro do Planejamento Romero Jucá.

    Por meio de sua assessoria, o presidente do Senado, Renan Calheiros, negou ter recebido dinheiro de Sérgio Machado. “Jamais recebi vantagens de ninguém e sempre tive com Sérgio Machado relação respeitosa e de Estado.”

    Segundo a assessoria de Jucá, “o senador nega o recebimento de qualquer recurso financeiro por meio de Sérgio Machado ou comissões referentes a contratos realizados pela Transpetro”.


    Mais:

    Sarney é flagrado prometendo ajudar ex-presidente da Transpetro a se livrar de Moro
    Tags:
    propina, Agência Brasil, O Globo, Transpetro, Sérgio Machado, Romero Jucá, Renan Calheiros, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar