16:17 24 Setembro 2021
Ouvir Rádio

    Vicente Cândido: É preciso apurar o real objetivo das gravações e de sua divulgação

    Brasil
    URL curta
    Brasil entre Temer e Dilma (110)
    1150
    Nos siga no

    Desde segunda-feira, 23, o jornal “Folha de S. Paulo” vem publicando transcrições das conversas mantidas entre o ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, e os Senadores Romero Jucá, Renan Calheiros e José Sarney, todos do PMDB.

    Nas conversas, fica clara a preocupação de Sérgio Machado (ex-integrante do PMDB e do PSDB), investigado na Operação Lava Jato, de não ser julgado pelo Juiz Sérgio Moro, da 13.ª Vara Federal Criminal de Curitiba, no Paraná, mas sim pelo Supremo Tribunal Federal.

    Machado, que gravou as conversas, segundo o jornal, ainda comenta com seus interlocutores que as delações premiadas também devam ser contidas.  

    Diante da repercussão desses fatos, Sputnik Brasil conversou com o Deputado Federal Vicente Cândido, do PT de São Paulo.

    Vicente Cândido acredita ser necessária uma apuração muito rigorosa em torno dos objetivos das conversas mantidas pelo ex-presidente da Transpetro com os senadores:

    “Do meu ponto de vista, é prematuro tirar qualquer conclusão sobre o conteúdo destas gravações. Porém, o que está evidente é a necessidade de se apurar o real objetivo da realização destas gravações e, principalmente, a quem e por quais motivos interessa a divulgação destas conversas. Fica evidente também que há uma preocupação muito grande, por parte de todos que participam destas gravações, com o que poderá acontecer a partir das revelações de todos os investigados na Operação Lava Jato que estão presos. Então, primeiro é preciso apurar objetivos e responsabilidades, e depois, a motivação destas revelações.”

    Tema:
    Brasil entre Temer e Dilma (110)

    Mais:

    Dilma anuncia o ‘verdadeiro motivo’ do impeachment
    Presidente do PSOL: Impeachment foi salvo-conduto para abafar Lava Jato
    Tags:
    Brasil, Brasília, Vicente Cândido, Dilma Rousseff, Romero Jucá, Renan Calheiros, Sérgio Machado, PMDB, PSDB, PT, delação premiada, Operação Lava Jato, impeachment, golpe de Estado
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar