22:30 07 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    324
    Nos siga no

    A agência de classificação de risco Fitch rebaixou a nota de crédito do Brasil de BB+ para BB. Em dezembro do ano passado, Fitch já havia reduzido a nota brasileira e o país perdeu o grau de investimento, informou Agência Brasil.

    A Standard&Poor's e a Moody's rebaixaram a nota do Brasil em fevereiro deste ano. A Moody's rebaixou a nota para grau especulativo. Fitch informou que o Brasil permanece em perspectiva negativa, ou seja, ainda pode haver uma nova revisão da nota.

    Segundo comunicado da agência, o rebaixamento reflete a contração econômica “mais profunda do que o antecipado”. A Fitch cita o fracasso do governo em estabilizar as perspectivas para as finanças públicas, o continuado impasse legislativo e incerteza política elevada, que estão “minando a confiança doméstica e a governabilidade, bem como a eficácia das políticas”.

    Com a nota BB, o Brasil volta ao patamar de classificação de risco que tinha em 2006. A agência estima queda de 3,8% no PIB brasileiro este ano e projeta uma alta de 0,5% no próximo.

    A agência fez referência também ao processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff. “Fitch acredita que qualquer transição política para um novo governo durante o processo de impeachment será suave e pacífica”, diz o comunicado.

    Mais:

    Moody's: América Latina seguirá sentindo impacto dos baixos preços das matérias-primas
    Standard & Poor's reduz a nota do Brasil mais uma vez
    Brasil rivaliza com a China nas preocupações da Standard & Poor’s
    Tags:
    PIB, grau de investimento, economia, Fitch, Fitch Ratings, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar