09:31 22 Fevereiro 2018
Ouvir Rádio
    Senado do Brasil

    Após aprovação na Câmara, Senado define rumos do impeachment

    Jefferson Rudy/Agência Senado
    Brasil
    URL curta
    Pedido de impeachment de Dilma Rousseff (132)
    3152

    Com a aprovação da abertura do processo do impeachment pela Câmara dos Deputados, a questão agora vai ser resolvida pelo Senado. A partir de segunda-feira(18), o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), deve criar uma comissão de senadores, para que num prazo de dez dias emita um parecer sobre a decisão da Câmara.

    Enquete

    Ativa até 02.05.2016
    A comissão do Senado votará a favor do impeachment?
    • Sim
      53.4% (365)
    • Não
      40.7% (278)
    • Eu me abstenho de responder
      5.9% (40)
    Votaram: 683
    Em seguida, o parecer vai passar por votação no plenário do Senado, para decidir se arquiva ou não o processo do impeachment. Para ser aprovado, vai ser necessário o voto favorável de no mínimo de 41 senadores. Se for instaurado, a Presidenta Dilma vai ter que se afastar do cargo por 180 dias, e o vice-presidente Michel Temer assume a Presidência da República.

    A sessão de votação final, que vai decidir pela permanência ou o afastamento em definitivo de Dilma Rousseff, será conduzida pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski. Vão ser necessários 54 votos dos 81 senadores para que o impeachment seja aprovado.

    Se for absolvida, a Presidenta Dilma reassume de imediato o cargo, mas caso haja condenação, o afastamento também será imediato, e a Presidenta fica sem poder exercer qualquer cargo público por um período de oito anos.

    Tema:
    Pedido de impeachment de Dilma Rousseff (132)
    Tags:
    impeachment, Senado, Ricardo Lewandowski, Michel Temer, Renan Calheiros, Dilma Rousseff, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik