04:46 26 Junho 2019
Ouvir Rádio
    Plenário da Câmara discute impeachment

    Ao vivo: discussão do relatório que recomenda abertura do processo de impeachment

    Fabio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil
    Brasil
    URL curta
    Pedido de impeachment de Dilma Rousseff (132)
    924

    Começou na Câmara, nesta sexta-feira, às 8:55, a sessão no Plenário para discutir o parecer do deputado Jovanir Arantes (PTB-GO), aprovado em comissão especial, que recomenda a abertura do processo de impeachment.

    Serão realizadas sessões sucessivas até que todos tenham concluído as suas falas, entrando pela madrugada de sábado. "Ficarei 24 horas no ar", disse o presidente da Câmara, Eduardo Cunha. 

    Acompanhe, ao vivo, a transmissão do Plenário.

    Ordenar as mensagens
    • 01:22

      Plenário segue madrugada adentro e já tem mais de 16 horas de sessão sobre impeachment

      Mais cedo, a Câmara divulgou a relação dos 249 deputados que se inscreveram para discursar na sessão de sábado, marcada para começar às 11 h.

      Tudo indica, no entanto, que esse horário poderá ser alterado, já que dificilmente até àquela hora será encerrada a atual discussão das bancadas dos 25 partidos, que tem direito a 1 hora cada.

      Se tudo correr conforme o planejado, amanhã serão 170 a discursar a favor e 79 contra o impeachment. Cada um desses deputados terá até 3 minutos para falar.

      Até o momento, utilizaram seu tempo PMDB, PT, PSDB, PP, PR, PSD, PSB, DEM e PRB.

    • 01:20

      O PTB é o 10º partido a ter espaço na tribuna da Câmara

    • 01:09

      Jandira publica vídeo contra golpe e em favor da democracia

    • 00:56

      Dep. Reginaldo Lopes (PT-MG): "Este parlamento, conduzido por um réu, quer rasgar a constituição"

    • 00:38

      Deputado Assis Carvalho (PT-PI) ataca Cunha para invalidar impeachment

      "O Jornal Nacional mostrou mais R$ 52 milhões em contas do Eduardo Cunha".

      "É punir uma mulher honesta para colocar um corrupto no poder".

    • 00:14

      Dilma divulga mensagem aos brasileiros e classifica o processo de impeachment de 'aventura golpista'

    • 00:08

      Sessão na Câmara já dura mais de 15 horas!

      É a vez do PRB,  9º partido a ter espaço na Câmara.

      Cada partido tem direito a 1 hora para falar.

      PMDB, PT, PSDB, PP, PR, PSD, PSB e DEM já utilizaram seu tempo.

    • 23:51

      Secretário-geral da OEA defende mandato de Dilma Rousseff

    • 23:43

      Ezequiel Teixeira (PTN-RJ) diz que gestão atual está falida

    • 23:20

      Mendonça Filho aponta irregularidades que teriam sido cometidas por Dilma

      Deputado do Democratas de Pernambuco diz que o povo está pagando as contas dos atos da presidenta da República, a quem falta liderança e responsabilidade, segundo ele.

    • 23:03

      Governo que sempre mentiu, disse Marcos Soares (DEM-RJ) sobre a atual administração

      Citando deus, deputado apontou erros na conduta econômica e disse que é hora de mudar os rumos com o impeachment.

    • 22:51

      Presidente da Câmara durante impedimento de Collor diz que impeachment é eminentemente político

      Em entrevista à Agência Brasil, Ibsen Pinheiro comparou os dois cenários dizendo que “os grandes eventos que motivaram a indignação popular não estavam na prova dos autos” no caso de Fernando Collor., enquanto contra Dilma "fatos que não estão na denúncia têm grande impacto, como por exemplo a delação do senador Delcídio [do Amaral]”.

    • 22:34

      Parlamentares do Dem assumem a tribuna da câmara por uma hora

      O deputado Madetta (DEM-MS) é o primeiro a falar. Em seu discurso, ele questiona a conduta da presidenta Dilma Rousseff e diz que o PT conseguiu despertar o que há de pior na política.

    • 22:29

      Dep. Jose Stédile (PSB-RS) e Dep. Keiko Ota (PSB-SP) seguem posição da legenda favorável ao impeachment

    • 22:20

      Dep. Jorginho Mello (PR-SC): “é um momento histórico, mas triste para todos nós”

      “Sou a favor do impeachment da presidenta Dilma”.

      “Esse governo perdeu a sua credibilidade”.

    • 22:12

      Dep. Jandira Feghali (PCdoB-RJ) destaca que imprensa mundial neste momento observa o Brasil

      "O NY Times diz que criminosos tentam afastar presidente honesta".

      Segundo a deputada, hoje, mais um delator, o senhor Ricardo Pernambuco Jr., disse que Eduardo Cunha recebeu 52 milhões em propina nas obras do porto maravilha.

      “Vocês querem impedir que a democracia respire depois de tão pouco tempo de existência?”.

    • 22:08

      Após PSD declarar apoio ao impeachment o ministro das Cidades, Gilberto Kassab, presidente nacional da legenda, pede demissão ao Palácio do Planalto

      Kassab se reuniu no fim da tarde com o ministro-chefe do Gabinete Pessoal da Presidência da República, Jaques Wagner, para entregar o cargo.

    • 22:05

      Deputado Índio da Costa, do PT do Rio, afirma que a grande maioria da população do Brasil quer ver o PT longe do poder

    • 22:02

      Dep. Maria do Rosário (PT-RS): “Viva a democracia!”

      “Comparem a biografia de Dilma com a biografia de Eduardo Cunha”. 

    • 21:58

      Dep. Carlos Zarattini (PT-SP) denuncia a existência de golpe:

      "É um processo de golpe que visa a desrespeitar a Constituição. O que se faz nesse plenário é uma eleição indireta".

      "No plenário da Casa a correlação de forças está mudando. A cada dia mais e mais deputados estão mudando de opinião e passando a combater o golpe".

      "Na segunda-feira vamos reorganizar o Governo e contamos com o apoio da maioria dos deputados desta casa, mesmo aqueles que votarem pelo impeachment".

    • 21:57

      Deputados do PT assumem o palanque

    • 21:52

      Dep Danilo Forte (PSB-CE) segue a posição da maioria de seu partido e declara apoio ao impedimento de Dilma

    • 21:41

      Os Gaviões da Fiel, a maior torcida do estado de São Paulo, ocupam o Vale do Anhangabaú em protesto contra o impeachment

    • 21:33

      Passeata em apoio a Dilma reuniu 20 mil pessoas em Salvador

    • 21:30

      Dep. Fabio Garcia (PSB-MT) reitera a tese de que Dilma descumpriu a lei orçamentária e a lei de responsabilidade fiscal

    • 21:18

      Dep. Heraclito Fortes (PSB-PI) se dirige “aos que estão em casa” para defender saída de Dilma

      “Me dirijo aos q estão em casa: se o impeachment está hoje no processo inicial, nós devemos isso às vozes roucas das ruas.(…) Somos a ressonância do Brasil. (…) Os brasileiros do “Oiapoque ao Chuí” arrependidos do voto mal-dado”.

      “Sugestão aos que estão em casa: pesquisem e irão encontrar pronunciamentos feitos nos dias que antecederam a cassação de Color. (…) Os autores são os mesmos que dizem que impeachment é golpe”.

      Nas palavras do deputado, o impeachment foi todo costurado pela incompetência do próprio Governo de Dilma.

    • 21:10

      Flavinho (PSB-SP) reitera apoio do PSB ao impeachment

      “Não acredito que a melhor solução para o Brasil seja o impeachment ou governo de Michel Temer. Mas, se é o que temos no momento para tirar o país do buraco, precisamos apostar nisso. (…) Primeiro resolvemos a crise política pelo impeachment, depois trabalhamos para resolver a crise econômica e nas eleições resolveremos a crise moral”.

    • 21:01

      Tadeu de Alencar (PSB-PE) evoca palavras de Eduardo Campos para apoiar impeachment

      "Não vamos desistir do Brasil" – disse.

      O deputado afirmou que PSB não comemora o afastamento de Dilma, mas tem a sensação de dever cumprido ao defender a sua saída. 

    • 20:46

      Parlamentares da oposição reconhecem avanços sociais do PT

      Deputado Lucio Mosquini (PMDB-RO) diz que vota a favor do impeachment sem alegria, mas com a certeza de que o vice-presidente da República, Michel Temer, fará um excelente governo.

    • 20:41

      Deputado Sérgio Souza (PMDB-PR): Impeachment já está consolidado

    • 20:34

      Defender Dilma é defender roubalheira, diz Benjamin Maranhão (SD-PB)

      Segundo o deputado, o objetivo do seu partido é alcançar 400 votos a favor do impeachment da presidenta na Câmara.

    • 20:03

      Brasil é campeão mundial da corrupção, segundo Marcos Montes (PSD-MG)

      "Nós, políticos, ainda vamos resgatar nossa dignidade", prometeu Pontes, acusando os governos petistas de ter manchado a imagem dos políticos brasileiros.

    • 19:48

      Pronunciamento de Dilma será divulgado apenas nas redes sociais

      Presidenta do Brasil, Dilma Rousseff

      Pronunciamento de Dilma é suspenso

      O pronunciamento da presidenta Dilma Rousseff marcado para a noite desta sexta-feira foi suspenso por orientação da Advocacia-Geral da União (AGU), segundo informou nesta tarde a assessoria do Palácio do Planalto.
      Mostrar mais
    • 19:44

      João Rodrigues (PSD-SC) critica PT, PSOL e PCdoB

      Segundo Rodrigues, o que está acontecendo no Brasil hoje não pode ser chamado de golpe. Golpe, para ele, é o que o governo petista fez com o país.

    • 19:34

      Deputado Goulart (PSD-SP) diz que pedaladas fiscais exigiu envolvimento da alta cúpula de órgãos do governo

      "Ninguém aguenta mais tanta corrupção", afirma Goulart.

    • 19:10

      Heuler Cruvinel: "nunca antes na história deste país se viu tanta corrupção no governo".

      Deputado acredita que corrupção dos governos petistas foi sem dúvida maior do que nas administrações anteriores. 

    • 18:59

      Cunha rejeita pedido para que defesa tenha mais tempo

      O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), rejeita questão de ordem sobre pedido para que a defesa da presidenta Dilma tenha mais tempo para falar em razão do pronunciamento do relator do processo.

      Ex-Presidente Lula em campanha contra o golpe

      Pepe Vargas: ‘Oposição e Eduardo Cunha querem dar o golpe’

      “Os deputados do PT deverão insistir na tese de que impeachment sem crime que o fundamente é golpe e atenta contra a democracia e o Estado de Direito vigentes no Brasil" – alerta o Deputado Federal Pepe Vargas (PT-RS) ao falar sobre a posição que o PT deverá adotar durante a votação do pedido de impeachment de Dilma no Plenário da Câmara.
      Mostrar mais
    • 18:47

      Cristiane Brasil diz que é hora de mudar a História

      A deputada Cristiane Brasil, lendo depoimentos de amigos e eleitores, defende o impeachment da presidenta Dilma Rousseff. 

    • 18:31

      Líder do governo na Câmara critica oposição e defende transparência da administração Dilma

      O deputado José Guimarães, líder do governo na Câmara dos Deputados, criticou duramente o clima de "já ganhou" da oposição e disse que nunca houve tanta transparência e investigação de ilegalidades como está ocorrendo agora, nos governos do PT. 

      "O país tem que ter mudanças profundas", disse Guimarães, destacando que, no entanto, isso não deve ser feito com ataques contra uma presidenta legitimamente eleita.

       

    • 18:16

      Laerte Bessa chama Dilma de bandida

      O deputado federal Laerte Bessa (PR-DF) disse em plenário que a presidenta da República é uma "bandida" e que o impeachment é a única saída para o Brasil.

    • 18:07

      Deputado Federal Luiz Carlos Hauly (PSDB-PR), com exclusividade à Sputnik Brasil: ‘Temos confirmados 400 votos a favor do impeachment’

      “Superada toda a fase jurídica em torno da discussão da admissibilidade pela Câmara Federal do processo de impeachment da Presidenta Dilma Rousseff e confirmada toda a legalidade deste processo por parte do Supremo Tribunal Federal, vamos agora para a votação de domingo, no Plenário da Câmara, impor uma derrota esmagadora a Dilma, a Lula, ao PT e à sua base aliada. Temos confirmados 400 votos a favor do impeachment. No processo anterior, contra Fernando Collor de Mello, também tínhamos prognósticos favoráveis e confirmamos o número de votos. Vamos repetir o nosso êxito.” 

    • 17:48

      Pronunciamento de Dilma é suspenso

      O pronunciamento da presidenta Dilma Rousseff marcado para a noite desta sexta-feira foi suspenso por orientação da Advocacia-Geral da União (AGU), segundo informou nesta tarde a assessoria do Palácio do Planalto.

      Presidenta do Brasil, Dilma Rousseff

      Pronunciamento de Dilma é suspenso

      O pronunciamento da presidenta Dilma Rousseff marcado para a noite desta sexta-feira foi suspenso por orientação da Advocacia-Geral da União (AGU), segundo informou nesta tarde a assessoria do Palácio do Planalto.
      Mostrar mais
    • 17:39

      Deputado Simão Sessim (PP-RJ) fala a favor do impeachment.

      Segundo ele, o Brasil está "travado enquanto não resolver esse assunto".

    • 17:30

      Deputado Rubens Pereira Júnior (PCdoB-MA) critica processo de impeachment: "Essa denúncia é fraquíssima"

      "A resistência veio para dizer que esse impeachment não passará", afirmou.

    • 17:25

      Deputado Evair de Melo (PV-ES) fala a favor do impeachment

    • 17:21

      Deputado Nilson Pinto (PSDB-PA) fala pela liderança do partido

      Parlamentar defende impeachment de Dilma.

    • 17:17

      Manifesto de artistas contra o impeachment viraliza nas redes sociais

    • 17:01

      Deputado Jerônimo Goergen (PP-RS) pede "punição" ao MST

      Segundo ele, o "Brasil que vai nascer no domingo será um novo Brasil". 

      Movimento dos Sem Terra (MST)

      Dirigente do MST acusa autoridades no confronto que deixou mortos e feridos no Paraná

      A disputa por posse de terra provocou a morte de duas pessoas e deixou outras seis feridas na quinta-feira, 7, em uma área rural de Quedas de Iguaçu, no Paraná. Polícia Militar e integrantes do Movimento dos Sem-Terra (MST) divergem sobre as causas do episódio.
      Mostrar mais
    • 16:54

      Deputado Julio Lopes (PP-RJ) diminui importância dos 54 milhões de votos de Dilma

      "Os votos não são uma carta de alforria ou liberdade de tudo fazer", disse o deputado, em relação aos 54 milhões de votos conseguidos por Dilma. E acrescentou que é preciso fazer uma "nação de empreendedores, não de pedintes".

    • 16:47

      Presidente nacional do PPS com exclusividade para a Sputnik: “Tudo indica que o movimento será vitorioso"

      “Tudo indica que o movimento será vitorioso porque a sociedade não aguenta, a sociedade está vendo o sangramento que o país está sofrendo e isso está provocando perdas efetivas, famílias endividadas, desemprego, inflação, três anos de recessão, perspectivas as piores possíveis e esse grave dano moral que o Brasil vive e a Operação Lava-Jato nos devolve um mínimo de dignidade de imaginar que o país pode retomar um rumo sério e de decência.”

    • 16:39

      Cunha: plenário pode realizar sessões sem intervalo até domingo

      Segundo a Agência Câmara, o presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), avaliou que o plenário pode realizar sessões sucessivas sem intervalo até domingo, para que todos os partidos e deputados inscritos possam fazer seus pronunciamentos. A sessão de votação está marcada para começar às 14h de domingo.

    • 16:02

      O deputado Henrique Fontana (PT-RS) discursa contra o impeachment

      Segundo ele, Eduardo Cunha e Michel Temer querem acabar com as eleições diretas. "Não têm votos para ganhar na eleição, e querem chegar ao poder em eleição indireta."

    • 16:00

      Deputado Jorge Solla (PT-BA), com exclusividade para a Agência Sputnik: "nós vamos derrotar esse golpe"

      “Nós vamos derrotar esse golpe, nós vamos conseguir debelar essa tentativa travestida de impeachment, de realizar um terceiro turno da eleição e uma tentativa de derrubar uma presidente contra a qual não existe nenhuma acusação, nenhum processo e nenhum indiciamento. Querem transformar essa votação numa eleição indireta.”

    • 15:57

      O deputado Henrique Fontana (PT-RS) tem a palavra pela liderança do partido.

      "É um debate sobre a democracia brasileira, e ela está cada vez mais atacada, desde o momento em que a oposição decidiu desrespeitar o resultado eleitoral de outubro de 2014."

    • 15:57

      O deputado Caio Narcio (PSDB-MG) questiona o fato da Câmara estar fechada para a população.

      O deputado Caio Narcio (PSDB-MG) questiona ordem. Ele diz que da maneira que a Câmara está realizando a sessão parece que a Casa está fechada para a população. A presidência, por motivos de segurança, negou o pedido de abertura das portas do Plenário para o público.

    • 15:52

      Governo cria site para divulgar a argumentação da Advocacia-Geral da União (AGU) sobre o processo de impeachment

      O site www.emdefesadademocracia.gov.br foi desenvolvido pelo Gabinete Digital da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (Secom). Seu objetivo é divulgar a argumentação da Advocacia-Geral da União (AGU) sobre o processo de impeachment, aberto na Câmara dos Deputados sem a existência de crime de responsabilidade que justifique a interrupção do mandato da presidenta, eleita por 54 milhões de brasileiros. Busca-se demonstrar que o processo representa uma ameaça ao Estado Democrático de Direito, à soberania do voto popular e à estabilidade das instituições, valores cuja defesa é papel, informou o Blog do Planalto.

    • 15:45

      Deputado Alceu Moreira (PMDB-RS) tem a palavra pela liderança do partido.

    • 15:40

      Deputado Rafael Motta (PSB/RN) critica o governo e vota a favor do impeachment

    • 15:37

      Deputado Marco Feliciano (PSC-SP) faz discurso e engrossa o coro do impeachment

      Deputado Feliciano diz que o governo atacou o "cerne da moral judaico-cristã brasileira". 

    • 15:31

      Deputado Augusto Carvalho (SD-DF) fala a favor do impeachment e critica a AGU por defender a presidência

    • 15:29

      PDT e PSOL são contra o impeachment. PSDB e PHS defendem saída de Dilma

    • 15:27

      Deputado José Carlos Aleluia (DEM-BA) fala das manifestações de 2013 e fala que o governo financiou os Black Blocks

    • 15:26

      Terminam os 60 minutos de pronunciamento das lideranças do PSDB em defesa do impeachment

    • 15:16

      Muro na Esplanada dos Ministérios é pichado antes do julgamento do impeachment, informou Agência Brasil

      O Governo do Distrito Federal ergueu, no último fim de semana, um muro com tapumes de aço no meio do gramado da Esplanada dos Ministérios para que manifestantes favoráveis e contrários ao pedido de impeachment possam acompanhar a votação do impeachment no próximo domingo, cada um de um lado.

      Entre as pichações, figuram mensagens como "Tolere"; "Bora se Amar"; "Política não é o bem vs. o mal"; e "Olhem a que ponto chegamos!". Nos cartazes podem ser lidas, além de manifestações contra e pró-impeachment, críticas em relação ao muro, como “Muro de Berlim”; “Fora segregação”; e “Muro da vergonha”.

    • 15:14

      Deputado Nilson Leitão (PSDB-MT) acusa Dilma de crime de responsabilidade e nega golpe

      "Estamos diante do juízo final de um governo e de um partido que trouxeram retrocesso."

    • 15:05

      O deputado Bruno Araújo (PSDB-PE) discursa em defesa do impeachment.

      Mais uma liderança do PSDB discursa no Plenário. 

    • 15:01

      Deputado Paulo Abi-Ackel (PSDB-MG) criticou a defesa de Dilma feita pelo Advogado-Geral da União, José Eduardo Cardozo.

      Segundo ele, o papel do Advogado-Geral da União é defender o Estado, e não a presidência.

    • 14:58

      Vídeo: aprovar o impeachment é violentar a democracia, diz defesa de Dilma

    • 14:55

      Cunha: defesa de Dilma não falará ao final da discussão sobre o impeachment no Plenário

      O presidente da Câmara, Eduardo Cunha, disse que não mudará seu entendimento sobre a possibilidade de um novo pronunciamento da defesa da presidente Dilma Rousseff após a fala do relator do processo de impeachment, deputado Jovair Arantes (PTB-GO), informou Agência Câmara. 

      “O relator fala por último, ao fim do processo de discussão, porque o papel dele é como o de um juiz, que fala por último”, disse. “Seria alterar o rito em relação ao ex-presidente Collor, e nós não desejamos fazer isso”, completou.

    • 14:51

      O deputado Paulo Abi-Ackel (PSDB-MG) critica o governo e defende a posição do partido a favor do impeachment

    • 14:47

      Deputado Marcus Pestana (PSDB-MG), com exclusividade para a Agência Sputnik: "vamos vivenciar uma decisão de dimensão estratégica com repercussão de longo prazo"

      “Estamos num momento extremamente delicado, tenso e histórico. Vamos vivenciar uma decisão de dimensão estratégica com repercussão de longo prazo, que não é uma decisão corriqueira, banal. Afastar um presidente da República é uma atitude grave, extrema, mas é importante dizer que o impeachment é um instrumento de controle social previsto na Constituição para limitar e arbitrar o poder do presidente da República. A democracia pressupõe isso.”

    • 14:42

      Advocacia-Geral da União pode entrar com novas ações no STF

      Depois de apresentar argumentos de defesa da Presidenta Dilma Rousseff no plenário da Câmara na manhã desta sexta-feira(15), o ministro da Advocacia-Geral da União, José Eduardo Cardozo admitiu em coletiva à imprensa que o governo pode entrar com novas ações junto ao Supremo Tribunal Federal (STF) para questionar o processo conduzido pela Casa.

       

      Ministro da Advocacia-Geral da União, José Eduardo Cardozo, apresenta a defesa da Presidenta Dilma Rousseff na Câmara

      Advocacia-Geral da União pode entrar com novas ações no STF

      Depois de apresentar argumentos de defesa da Presidenta Dilma Rousseff no plenário da Câmara na manhã desta sexta-feira(15), o ministro da Advocacia-Geral da União, José Eduardo Cardozo admitiu em coletiva à imprensa que o governo pode entrar com novas ações junto ao Supremo Tribunal Federal (STF) para questionar o processo conduzido pela Casa.
      Mostrar mais
    • 14:40

      Deputado Jutahy Junior (PSDB-BA) discursa a favor do impeachment.

    • 14:30

      O deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP) afirma que Dilma sabia do esquema do "petrolão".

    • 14:28

      Sessões do Plenário podem seguir sem intervalo até domingo, diz Cunha

      Segundo o presidente da Câmara, isso permitirá que todos os partidos e deputados inscritos façam pronunciamentos contra ou a favor do impeachment da presidenta Dilma Rousseff.

    • 14:25

      Deputados do PSDB terão 60 minutos para se pronunciar

    • 14:23

      Deputado Glauber Braga (PSOL-RJ) discursa contra o impeachment e pede avaliação racional da Câmara

      Estamos vivenciando um acordão para entregar a presidência da Câmara, a presidência do Senado e a presidência da República para o PMDB, disse o deputado Glauber Braga do PSOL.

    • 14:17

      Deputado Pastor Eurico (PHS-PE) discursa na Câmara a favor do impeachment

    • 14:11

      Deputado Afonso Motta (PDT-RS) declara posição contrária ao impeachment.

      O PDT se posiciona contra o impeachment. "A imputação não caracteriza crime de responsabilidade." 

    • 14:07

      Deputado Daniel Coelho (PSDB-PE) fala que as pedaladas fiscais foram realizadas para financiar Cuba e Venezuela

    • 13:58

      O deputado Jovair Arantes (PTB-GO), relator do processo, responde aos deputados do PT a respeito do seu texto.

      O deputado Jovair Arantes (PTB-GO), relator do processo, responde aos deputados do PT a respeito do seu texto.

      Plenário do STF analisa processos sobre impeachment da presidenta Dilma Rousseff

      STF rejeita ações contestando impeachment de Dilma

      O Supremo Tribunal Federal (STF) rejeitou na madrugada desta sexta-feira (15), após sete horas de sessão, cinco ações que contestavam a realização da votação do pedido de abertura de impeachment da presidenta Dilma Rousseff, marcada para acontecer no domingo (17).
      Mostrar mais
    • 13:52

      Resumo dos principais momentos na sessão da Câmara dos Deputados

      - O jurista Miguel Reale Júnior começou sua fala no plenário da Câmara rebatendo os gritos de guerra de manifestantes favoráveis à manutenção do governo Dilma Rousseff. Ele abriu discurso na sessão que discute o processo de impeachment da presidenta pouco depois das 9h. Ele falou por 14 dos 25 minutos a que tinha direito.

       

      - O advogado-geral da União, José Eduardo Cardozo, afirmou que “o impeachment é uma medida ‘excepcionalíssima’, que só deve ser aplicado nos atos ‘dolosos e graves’”.

      "Dilma não está sendo investigada "por absolutamente nenhuma acusação", destacou.  

       

      - Líderes de partidos se manifestam pró e a favor do impeachment. Sessões sucessivas acontecem até que todos tenham concluído as suas falas.

      Câmara dos Deputados.

      Deputado do PT: 'temos os votos necessários para evitar o golpe contra a Presidente'

      O Deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) afirmou que o governo possui "os votos necessários para evitar o golpe contra a Presidente". Ele falou com exclusividade à Sputnik Brasil, comentando a sessão na Câmara para discutir o impeachment de Dilma.
      Mostrar mais
      Manifestantes expõem um cartaz com a imagem da presidente Dilma Rousseff

      Manifestações contra impeachment de Dilma bloqueiam vias em São Paulo

      Vias de São Paulo foram bloqueadas na manhã desta sexta-feira (15) por manifestações contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT).
      Mostrar mais
    • 13:46

      Estudantes saem às ruas em Foz do Iguaçu contra o golpe e em favor da democracia

    • 13:43

      O deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP) fez a defesa do governo nas questões fiscais.

      "O processo de impeachment é 'golpismo' implícito', afirma o deputado Arlindo Chinaglia.

    • 13:28

      O deputado João Daniel (PT-SE) sobe à tribuna com uma echarpe vermelha: 'Fora Cunha'

      O deputado João Daniel defende a presidente Dilma Rousseff e elogia a luta democrática no país. 

    • 13:24

      Benedita da Silva fala em defesa da democracia e arranca aplausos

      "Não me venham agora se vestir de verde amarelo e dizer que defendem o Brasil, pois já vimos esse filme" diz Benedita

    • 13:20

      A deputada Benedita da Silva (PT-RJ) defende os programas sociais dos governos Lula e Dilma

      Benedita da Silva diz "não queremos golpe", "Viva a democracia brasileira!".

      "Não fomos nós que separamos o Brasil", disse.

    • 13:17

      #GolpeAquiNão entra para o 'trending topics' do Twitter

      Manifestação contra o impeachment de Dilma, no Largo da Batata, em São Paulo

      Twitaço contra impeachment: #GolpeAquiNão entra para o 'trending' do Twitter

      Enquanto começava na manhã desta sexta-feira (15) a sessão na Câmara dos Deputados para discutir o processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff, a hashtag #GolpeAquiNão entrou para os 'trending topics' dos assuntos mais comentados do Twitter.
      Mostrar mais
    • 13:03

      Câmara divulga a lista dos deputados inscritos para falar a favor e contra o impeachment

      Câmara divulgou a lista dos deputados inscritos para falar a favor e contra o impeachment. Confira: http://www2.camara.leg.br/camaranoticias/noticias/POLITICA/507111-VEJA-A-LISTA-DOS-DEPUTADOS-INSCRITOS-PARA-FALAR-A-FAVOR-E-CONTRA-O-IMPEACHMENT.html

    • 12:59

      Deputado Paulo Teixeira (PT-SP) fala que o atual processo de impeachment seria um golpe parlamentar

      O deputado Paulo Teixeira (PT-SP) fala em tentativa de um golpe parlamentar contra a presidenta. Golpe que teria raízes na imprensa e no empresariado. "Querem mexer na constituição e desconstruir os direitos do povo garantidos pela constituição. Desde 2001 a oposição não consegue chegar ao poder", e não consegue se conformar com isso, segundo o deputado. 

    • 12:54

      Segundo o Instituto Vox Populi, diz Afonso Florence (PT-BA) 58% da população são contra o impeachment neste momento

      Por isso, segundo o deputado, a pressa da oposição em votar o impeachment. 

    • 12:51

      Deputados do PT se pronunciarão durante os próximos 60 minutos

      O deputado Afonso Florence (PT-BA) discursa contra o impeachment.

    • 12:49

      Segundo Altineu Côrtes (PMDB-RJ), se perder na Câmara, Dilma deveria vir a público e renunciar à Presidência na segunda-feira

    • 12:47

      Maioria dos deputados do PMDB vai apoiar pedido de impeachment, diz líder do partido na Câmara

      O líder do PMDB, deputado Leonardo Picciani (RJ), informou nesta manhã que “a bancada do partido orientará a posição favorável ao processo de impeachment”. Segundo Picciani, a maioria expressiva da bancada, cerca de 90%, é favorável ao processo de impedimento da presidente da República.

    • 12:42

      Deputado Altineu Côrtes (PMDB-RJ) discursa neste momento.

      Deputado Altineu Côrtes discursa a favor do impeachment, após mencionar corrupção na Petrobras. O parlamentar falou que o país está descontrolado e desgovernado.

    • 12:40

      Deputado Julio Cesar (PSD-PI) apoia o impeachment

    • 12:37

      Deputado Thiago Peixoto (PSD-GO) declara voto a favor do impeachment

    • 12:34

      Deputado Joaquim Passarinho (PSD-PA) com a palavra, defende o impeachment.

    • 12:31

      Deputado Evandro Gussi (PV-SP) defende o impeachment

      "As estátuas de Lenin que caíram no Leste Europeu serão derrubadas no domingo".

    • 12:26

      Mujica se posiciona contra o impeachment

    • 12:24

      Deputado Bruno Covas (PSDB-SP) discursa a favor do impeachment

      Bruno Covas disse que o governo busca instaurar um projeto bolivariano no país.

    • 12:23

      Líder do governo garantiu que não há votos para aprovar impeachment

      O líder do governo, deputado José Guimarães (PT-CE), disse que não há votos para aprovar o impeachment

      Ele afirmou ainda que o baixo índice de popularidade da presidente Dilma Rousseff não é motivo de impeachment. “Será que desemprego, um pouco de inflação e relacionamento político é motivo para cassar alguém?”, questionou.

    • 12:18

      Deputado federal Luiz Carlos Hauly (PSDB-PR), com exclusividade para agência Sputnik: "temos confirmados 400 votos a favor do impeachment".

      “Superada toda a fase jurídica em torno da discussão da admissibilidade pela Câmara Federal do processo de impeachment da Presidente Dilma Rousseff e confirmada toda legalidade deste processo por parte do Supremo Tribunal Federal, vamos agora para a votação de domingo, no plenário da Câmara, impor uma derrota esmagadora à Dilma, ao Lula, ao PT e à sua base aliada. Temos confirmados 400 votos a favor do impeachment. No processo anterior, contra Fernando Collor de Mello, também tínhamos prognósticos favoráveis e confirmamos o número de votos que tínhamos para aprovar o processo de impeachment contra Collor. Vamos repetir o nosso êxito.”

    • 12:15

      Deputado Antonio Imbassahy (PSDB-BA) defende a destituição da presidenta Dilma Rousseff

    • 12:12

      Deputado José Guimarães (PT-CE), líder do governo

      Acusou o vice-presidente Temer de articular novo governo no Palácio do Jaburu. Segundo o deputado, a oposição foi a responsável pela crise econômica e agora, por meio de um golpe branco, busca reverter os resultados das eleições de 2014.

    • 12:05

      O deputado José Guimarães (PT-CE), líder do governo, começa o seu discurso.

    • 12:00

      249 deputados estão inscritos para discursar na sessão deste sábado, informou Agência Câmara

      Foram encerradas as inscrições individuais para discutir o pedido de impeachment contra Dilma Rousseff na sessão de amanhã. Foram inscritos 79 deputados contrários ao afastamento da presidente e 170 favoráveis, informou Agência Câmara.

    • 11:58

      Deputada federal Margarida Salomão (PT-MG) fala com exclusividade à agência Sputnik: "teremos uma disputa muito acirrada neste domingo"

      “Teremos uma disputa muito acirrada neste domingo, no plenário da Câmara dos Deputados. Estou convicta de que o resultado será marcado por uma pequena diferença entre vencedores e derrotados. Nós, do PT, estamos realizando um trabalho de convencimento com os deputados que ainda estão indecisos. Estamos contando também com os governadores do PT e dos partidos da base aliada que estão em Brasília para convencer as suas bancadas a votar em favor da Presidente Dilma Rousseff. Nós, parlamentares do PT, temos muito trabalho pela frente até domingo. E não vamos desistir de enfrentar o golpe apesar do outro lado já estar comemorando vitória.”

    • 11:54

      Manifestação contra impeachment fecha divisa entre SP e PR

    • 11:51

      O deputado Manoel Junior (PMDB-PB) fala em defesa do impeachment.

    • 11:46

      Deputada Soraya Santos (PMDB-RJ) discursa em defesa do impeachment e da família.

      "O Brasil encontra-se parado e não suporta mais". Temer hoje é "o farol e a esperança".

    • 11:38

      O deputado Osmar Serraglio (PMDB-PR) defende o impeachment. É o terceiro líder do PMDB a discursar pelo partido. 

      O primeiro foi o deputado Leonardo Picciani (PMDB-RJ) que, apesar do posicionamento do partido, se manifestou contrário ao impeachment. Depois do deputado do Rio, foi a vez do deputado Lelo Coimbra (PMDB-ES) se pronunciar. Lelo Coimbra defendeu a decisão do partido.  

    • 11:29

      Pronunciamento de Dilma na Tv é previsto para 20h de hoje.

    • 11:25

      O deputado Lelo Coimbra (PMDB-ES) defende o impeachment.

      O deputado Lelo Coimbra (PMDB-ES) dá seguimento ao pronunciamento dos líderes do PMDB, que terão, no total, 60 minutos corridos para discursar.

    • 11:23
      Manifestantes fazem ato contra processo de impeachment e defesa do governo, na Esplanada dos Ministérios, em Brasília

      Embaixadas em alerta por conta de manifestações durante processo de Impeachment

      As embaixadas de diversos países enviaram comunicados aos seus cidadãos alertando-os para tomar cuidado com a segurança por conta das manifestações que ocorrem durante o processo de votação do impeachment da presidente Dilma Rousseff.
      Mostrar mais
    • 11:22

      Deputado Leonardo Picciani (PMDB-RJ): "As futuras gerações, pelas páginas da história, julgarão o nosso trabalho e posicionamentos neste final de semana".

    • 11:17

      Deputado federal Otávio Leite (PSDB-RJ) com exclusividade à Sputnik Brasil: estou muito confiante na votação de domingo

      “Estou muito confiante na votação na votação de domingo no plenário da Câmara dos Deputados. A mobilização da sociedade brasileira, através de procedimentos conduzidos dentro da mais estrita legalidade, permitem a nós, parlamentares do PSDB, manter as esperanças de que, neste domingo, 17 de abril, será dado o primeiro passo para retirar o Brasil do atoleiro em que se encontra.”

      Câmara dos Deputados.

      Deputado do PT: 'temos os votos necessários para evitar o golpe contra a Presidente'

      O Deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) afirmou que o governo possui "os votos necessários para evitar o golpe contra a Presidente". Ele falou com exclusividade à Sputnik Brasil, comentando a sessão na Câmara para discutir o impeachment de Dilma.
      Mostrar mais
    • 11:14

      Deputado Leonardo Picciani (PMDB-RJ) discursa no Plenário

      Picciani lamentou o momento vivido pelo país e pediu diálogo, independentemente dos resultados da votação do impeachment no próximo domingo, 17.

    • 11:11

      BR050 é interditada em manifestação contra impeachment de Dilma.

    • 11:08

      Hastag #GolpeAquiNaoPassa acaba de entrar para os trends do Twitter

    • 11:07

      Deputado Leonardo Picciani (PMDB-RJ) se posiciona pessoalmente contra o processo de impeachment, apesar da posição do seu partido.

    • 11:05

      Deputado Leonardo Picciani (PMDB-RJ) com a fala.

    • 11:05

      Lideranças do PMDB terão 60 minutos para se pronunciar.

    • 11:02

      Deputado Takayama (PSC-PR) defende o impeachment.

      Takayama acusa o governo de ser antidemocrático, anti-cristão e bolivariano.

    • 10:55

      Deputado Renato Molling (PP-RS) fala em defesa do impeachment.

    • 10:52

      Deputado Dirceu Sperafico (PP-PR) manifesta apoio ao processo de impeachment.

    • 10:46

      Deputado Ronaldo Nogueira (PTB-RS) com a fala.

      Ronaldo Nogueira se pronunciou pela defesa do impeachment.

    • 10:43

      Deputado Alex Manente (PPS-SP) com a fala.

      Deputado Alex Manente fala em defesa do impeachment.

    • 10:39

      Deputado Paulo Foletto (PSB-ES) defende impeachment.

      Deputado pediu 10 segundos de silêncio e acusa o governo de corrupção. Segundo ele, 80% do seu partido apoiam o impeachment.

    • 10:35

      O deputado Diego Garcia (PHS-PR) com a fala.

      Diego Garcia defendeu o impeachment. 

    • 10:33

      Deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS), com exclusividade à Sputnik Brasil: 'temos os votos necessários para evitar o golpe contra a Presidente'

      Exclusivo: “Nós estamos muito confiantes de que a Presidente Dilma Rousseff será vitoriosa na votação de domingo no plenário da Câmara dos Deputados. Já temos os votos necessários para evitar o golpe contra a Presidente. E o pronunciamento de hoje do Ministro José Eduardo Cardozo, Advogado-Geral da União, em defesa da Presidente na Tribuna da Câmara dos Deputados, foi excelente e decisivo para fortalecer a nossa convicção.”

    • 10:32

      O deputado Daniel Almeida (PCdoB-BA) com a fala.

      "O golpe não passará!" 

    • 10:31

      O deputado Ivan Valente (PSOL-SP)

      "Ninguém quer o Temer!" O deputado lembrou que o vice-presidente também assinou as chamadas "pedaladas fiscais".

    • 10:28

      Atualização

      - O jurista Miguel Reale Júnior começou sua fala no plenário da Câmara rebatendo os gritos de guerra de manifestantes favoráveis à manutenção do governo Dilma Rousseff. Ele abriu discurso na sessão que discute o processo de impeachment da presidenta pouco depois das 9h. Ele falou por 14 dos 25 minutos a que tinha direito.

      - O advogado-geral da União, José Eduardo Cardozo, afirmou que “o impeachment é uma medida ‘excepcionalíssima’, que só deve ser aplicado nos atos ‘dolosos e graves’”.
      "Dilma não está sendo investigada "por absolutamente nenhuma acusação", destacou.  

      - Deputados iniciam suas intervenções.
    • 10:24

      O deputado Pauderney Avelino (DEM-AM) sugere que Cunha conceda as palavras aos líderes entre as falas dos partidos, para ganhar tempo.

      "O povo brasileiro não aguenta mais essa corrupção sistêmica instaurada no governo do PT".

    • 10:21

      Deputado Augusto Coutinho (SD-PE)

      "Impeachment não é golpe", mas é uma "obrigação republicana". Ele classificou o governo de "perdulário e corrupto".

    • 10:19

      O deputado Zé Geraldo (PT-PA) começa a sua fala listando realizações dos governos de Lula e Dilma.

      "Parlamentares que se beneficiaram desses programas, partidos que defendiam Dilma, agora estão querendo 'assassinar a democracia brasileira', destacou o deputado. 


    • 10:12

      Dilma no Twitter: "golpe não é contra mim, mas contra o projeto do Brasil que represento"

    • 10:09

      Atualização

      - O jurista Miguel Reale Júnior começou sua fala no plenário da Câmara rebatendo os gritos de guerra de manifestantes favoráveis à manutenção do governo Dilma Rousseff. Ele abriu discurso na sessão que discute o processo de impeachment da presidenta pouco depois das 9h. Ele falou por 14 dos 25 minutos a que tinha direito.

      - O advogado-geral da União, José Eduardo Cardozo, afirmou que “o impeachment é uma medida ‘excepcionalíssima’, que só deve ser aplicado nos atos ‘dolosos e graves’”.

      "Dilma não está sendo investigada "por absolutamente nenhuma acusação", destacou.  

    • 10:04

      O deputado Zé Geraldo (PT-PA), fala agora.

    • 10:00

      Advogado Geral da União, José Eduardo Cardozo, conclui a defesa da presidenta Dilma Rousseff

      Apoiadores do governo gritam: "não vai ter golpe!"

    • 09:59

      Quero concluir dizendo que é evidente que dentro dos fatos enunciados não há base para impeachment, não há ilícito, não há dolo. Qualquer governo que for resultado dessa ruptura institucional não terá legitimidade e mais cedo ou mais tarde será cobrado pela história, diz José Eduardo Cardozo.

    • 09:57

      “O impeachment é uma medida ‘excepcionalíssima’, que só deve ser aplicado nos atos ‘dolosos e graves’”, afirmou o advogado-geral da União, José Eduardo Cardozo.

       Segundo ele, os decretos suplementares e das pedaladas são legais. 

    • 09:52

      José Eduardo Cardozo: não vivemos no parlamentarismo, onde o chefe de Estado pode ser afastado por perda de maioria no Congresso

      Manifestantes expõem um cartaz com a imagem da presidente Dilma Rousseff

      Manifestações contra impeachment de Dilma bloqueiam vias em São Paulo

      Vias de São Paulo foram bloqueadas na manhã desta sexta-feira (15) por manifestações contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT).
      Mostrar mais
    • 09:51

      Dilma não está sendo investigada "por absolutamente nenhuma acusação", diz José Eduardo Cardozo

    • 09:47

      José Eduardo Cardozo, citou "pedaladas fiscais" feitas por governos anteriores, por FHC e Lula.

      Ex-presidente do Brasil, Fernando Henrique Cardozo

      Deputada: Denúncias contra Governo FHC devem ser apuradas com mesmo rigor dedicado ao PT

      Delator da Operação Lava Jato, o ex-diretor da área internacional da Petrobrás, Nestor Cerveró, denunciou propina ao Governo de Fernando Henrique Cardoso. A Deputada Margarida Salomão (PT-MG) espera que essa denúncia seja acompanhada pela mídia com a mesma persistência que a mídia tem dedicado às investigações que alcançam o PT.
      Mostrar mais
    • 09:44

      José Eduardo Cardozo diz que as metas fiscais não foram ofendidas. O crime de responsabilidade só se configuraria com má fé da presidenta.

    • 09:41

      José Eduardo Cardozo classifica o processo de impeachment como retaliação pessoal de Eduardo Cunha contra Dilma Rousseff.

    • 09:38

      José Eduardo Cardozo classifica o processo de impeachment como retaliação pessoal de Eduardo Cunha contra Dilma Rousseff.

      O advogado-geral da União, José Eduardo Cardozo, concede coletiva para esclarecer os principais pontos da ação no STF buscando a anulação do processo de impeachment contra a presidenta Dilma

      AGU entra com ação junto ao STF para anular processo de impeachment na Câmara

      A Advocacia-Geral da União (AGU) impetrou nesta quinta-feira (14) um mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal (STF) para anular o processo de impeachment que tramita na Câmara dos deputados contra a Presidenta Dilma Rousseff.
      Mostrar mais
    • 09:34

      José Eduardo Cardozo, Advogado Geral da União

      Com a palavra, José Eduardo Cardozo, Advogado Geral da União, que apresentará a defesa de Dilma.

    • 09:28

      Miguel Reale Junior, diz ter a confiança nos deputados. "Os nossos libertadores!"

    • 09:15

      Miguel Reale Junior nega o golpe e é interrompido por gritos do Plenário. Parte do Plenário gritou: Não vai ter golpe!

    • 09:23

      Miguel Reale Junior e Janaina Paschoal, autores da denúncia, falam agora. Eles terão 25 minutos para falar

      Miguel Reale Junior: "é mentira" dizer que outros governos também deram "pedaladas".

    Ao vivo
    Ao vivo: discussão do relatório que recomenda abertura do processo de impeachment
    +
    Tema:
    Pedido de impeachment de Dilma Rousseff (132)
    Tags:
    plenário, impeachment, Câmara dos Deputados, Congresso Nacional, Miguel Reale Júnior, Jovair Arantes, Janaína Paschoal, Hélio Bicudo, Eduardo Cunha, Dilma Rousseff, Brasília, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar