20:37 14 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Manifestação pela democracia realizada no Rio de Janeiro em 31 de março de 2016

    Internautas criam plataforma acadêmica para defesa da democracia

    Serguei Monin / Sputnik Brasil
    Brasil
    URL curta
    1184

    Um grupo de ativistas lançou recentemente um novo instrumento de mobilização contra o golpe que se desenha no Brasil com o possível impeachment da presidenta Dilma Rousseff. Trata-se do site Universidade pela Democracia, que tem como objetivo "envolver a comunidade acadêmica na defesa da democracia".

    A ferramenta pode ser entendida como um complemento ao chamado Mapa da Democracia (mapadademocracia.org.br), criado no último dia 27 para pressionar os deputados da comissão do impeachment. De acordo com a União Nacional dos Estudantes (UNE), a página, que já funcionava no Facebook, é uma espécie de "plataforma de mapeamento dos comitês, coletivos e frentes universitárias" que tem como meta "reunir em um só espaço toda a mobilização que tem ocorrido dentro das universidades com debates, atos culturais, aulas públicas e intervenções artísticas".

    Segundo a UNE, o portal oferece de maneira simples uma opção para que comitês, frentes ou coletivos façam parte de uma lista nacional que mostra à sociedade brasileira "como os estudantes, professores, funcionários e técnicos administrativos das instituições de ensino superior têm preparado a resistência democrática".

    Os interessados em fazer parte da rede devem acessar o link universidadepelademocracia.com.br para realizar o seu cadastro.

    Mais:

    Lula: Povo brasileiro está mostrando o quanto valoriza a democracia
    Artistas e intelectuais encontram Dilma em ato 'contra impeachment e pela democracia'
    Arte pela democracia: artistas ocupam vão livre do Masp
    Intelectuais estrangeiros assinam manifesto pela democracia no Brasil
    Tags:
    democracia, impeachment, Facebook, UNE, Dilma Rousseff, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik