06:47 18 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    A presidenta do Brasil, Dilma Rousseff

    Dilma Rousseff reúne ministros para discutir reformas e prioridades para o começo de 2016

    © Sputnik / Host Photo Agency/Alexei Danichev
    Brasil
    URL curta
    642
    Nos siga no

    A presidente Dilma Rousseff vai começar a última semana do ano com uma reunião nesta segunda-feira (28) com ministros da área econômica e do núcleo político, segundo a Agência Brasil. O encontro é para discutir reformas e projetos prioritários do governo para o começo de 2016.

    Dilma passou o natal com a família, em Porto Alegre, e, no sábado (26), sobrevoou o município de Uruguaiana, no Rio Grande do Sul, afetado por fortes chuvas e enchentes. Na reunião desta tarde, que terá a participação dos novos ministros da Fazenda, Nelson Barbosa, e do Planejamento, Valdir Simão, entre outros, ela vai definir a pauta do Executivo que será apresentada ao Congresso Nacional na volta do recesso legislativo, em fevereiro.

    Segundo o ministro-chefe da Casa Civil, Jaques Wagner, a pauta do encontro de hoje inclui a reforma da Previdência, novas concessões de portos e aeroportos e medidas como a simplificação do sistema tributário e financiamento de longo prazo.

    A presidente também deverá discutir com os ministros a estratégia do governo para aprovar no Congresso a recriação da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF), considerada fundamental para aumentar a arrecadação no próximo ano, conforme publicou a Agência Brasil.

    Ela também pode se reunir ainda nesta segunda-feira com governadores que estarão em Brasília para um encontro com o governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg. Mais de dez chefes dos executivos estaduais já confirmaram a ida à capital, entre eles, Luiz Fernando Pezão, do Rio de Janeiro, Geraldo Alckmin, de São Paulo, Fernando Pimentel, de Minas Gerais, e Flávio Dino, do Maranhão.

    Mais:

    Brasil pode abrir painel contra americanos na OMC por causa de subsídios para soja
    Questão da Previdência e política tributária são desafios imediatos da economia brasileira
    Opinião: instabilidade no Brasil não é boa para ninguém
    Tags:
    reformas, projetos, chuvas, enchentes, pauta, encontro, reunião, ministros, governadores, recesso, prioridades, reforma tributária, CPMF, Congresso Nacional, Rodrigo Rollemberg, Flávio Dino, Fernando Pimentel, Geraldo Alckmin, Luiz Fernando Pezão, Valdir Simão, Nelson Barbosa, Jaques Wagner, Dilma Rousseff, Uruguaiana, Maranhão, Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Distrito Federal, Brasília, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar