05:19 19 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Dilma Rousseff e Sauli Niinisto, em encontro em Helsinque.

    Dilma Rousseff quer estreitar laços comerciais e educacionais com a Finlândia

    Agência Brasil / Roberto Stuckert Filho
    Brasil
    URL curta
    0 41
    Nos siga no

    A presidente Dilma Rousseff disse nesta terça-feira (20), em visita oficial à Finlândia, que quer ampliar a relação comercial e de cooperação educacional com o país escandinavo. Ela se reuniu em Helsinque com o presidente finlandês, Sauli Niinistö.

    “Transmiti ao presidente a admiração dos brasileiros pelo modelo educacional da Finlândia, modelo que é hoje uma referência global. Queremos intensificar as ações conjuntas na educação básica. Gostaríamos de intensificar a cooperação bilateral em matéria de formação de professores, tanto para o ensino básico como para o ensino técnico e vocacional”, disse a presidente.

    Dilma, segundo noticiou a Agência Brasil, também elogiou a parceria Brasil–Finlândia no Programa Ciência sem Fronteiras, que promove o intercâmbio de estudantes brasileiros em universidades estrangeiras, e disse que propôs ao colega finlandês a criação de um centro de inovação bilateral com sedes nos dois países.

    No âmbito comercial, Dilma afirmou que espera mais investimentos finlandeses no Brasil, especialmente no setor naval e de exploração de petróleo offshore (campos marítimos). Segundo a presidente, ela e Niinistö também conversaram sobre temas da agenda internacional e o Brasil recebeu apoio finlandês ao pleito por um assento permanente no Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU).

    A chefe de Estado também destacou a conversa sobre a negociação do clima, que terá nova rodada em dezembro, durante a 21ª Conferência das Partes da Convenção da ONU sobre Mudança do Clima (COP-21), em Paris, informou a Agência Brasil.

    “Reafirmamos o compromisso com a Agenda 2030 e com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e desejamos que a COP-21, em Paris, alcance um acordo justo, equilibrado, ambicioso e duradouro”, frisou Dilma.

    Tags:
    inovação, educação, laços comerciais, parceria, viagem, visita, encontro, Ciência sem Fronteiras, Conferência das Partes sobre Alterações Climáticas, COP 21, Conselho de Segurança da ONU, Nações Unidas, ONU, Sauli Niinistö, Dilma Rousseff, Helsinque, Paris, Finlândia, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar