11:34 26 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Refugiados seguem as trilhas de uma estrada de ferro perto da fronteira entre a Grécia e a Macedônia

    Brasil já concede mais vistos de refugiados a sírios que países europeus

    © AFP 2017/ ROBERT ATANASOVSKI
    Brasil
    URL curta
    15853171

    Desde que o país entrou em conflito, 2.077 sírios conseguiram refúgio no Brasil

    Os sírios são o povo com mais refugiados reconhecidos no Brasil. Há dois anos, o Comitê Nacional para Refugiados (Conare), do Ministério da Justiça, publicou uma normativa facilitando a concessão de vistos a imigrantes da Síria. Com isso, o país se tornou uma das principais alternativas para as famílias que fogem dos conflitos.

    O Brasil já concedeu mais refúgios para sírios do que países do sul da Europa, que recebem grande contingente de imigrantes ilegais pela facilidade geográfica. A Espanha, por exemplo, só concedeu refúgio para 1.335 sírios. A Itália, para 1.005, e Portugal, para 15, segundo a Eurostat, agência de estatísticas da União Europeia. 

    "Além da questão humanitária, o que já seria motivo suficiente para facilitar a acolhida dessas pessoas, o Brasil está cumprindo com seus compromissos internacionais e sua legislação nacional ao dar refúgio para quem necessita. Assim como nós buscamos melhores condições de vida, essas pessoas têm na imigração a única possibilidade de viver, elas foram obrigadas a sair de seus países", disse Beto Vasconcelos, presidente do Conare.

    Nos primeiros sete meses deste ano, o Brasil concedeu 10,4% mais pedidos de refúgios do que em todo o ano passado. Já são 8.400 refugiados em 2015. No ano passado, foram 7.609. Depois da Síria, os países que mais conseguiram refúgio brasileiro foram Angola (1.480) e República Democrática do Congo (844), ambos com conflitos políticos internos.

    Mais:

    Primeiro-Ministro eslovaco duvida que os refugiados estejam morrendo de fome
    Magnata egípcio se oferece para comprar ilha para refugiados
    Rússia diz que UE deve aprender com Moscou a resolver questão dos refugiados
    Conselho Europeu pede divisão de 100 mil refugiados entre países da UE
    Tags:
    crise humanitária, imigrantes, refugiados, Eurostat, Ministério da Justiça do Brasil, União Europeia, Europa, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik