02:13 19 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    0 201
    Nos siga no

    Em nota publicada nesta quarta-feira, 27 de maio, no portal do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), o órgão prometeu pedir informações ao governo russo sobre a situação dos dez frigoríficos brasileiros que foram embargados pelo serviço veterinário daquele país.

    “O ministério está solicitando informações detalhadas ao governo russo sobre a situação de cada um dos frigoríficos embargados, para tomar as providências necessárias para correção de cada caso e comunicação às autoridades russas”, informa o texto.

    Segundo a nota, cinco dos frigoríficos que foram embargados solicitaram não participar da auditoria feita pelo governo da Rússia por motivos próprios. O texto diz também que o procedimento é rotineiro. “A comunicação da autoridade russa acerca dos dez frigoríficos brasileiros embargados [dos quais cinco solicitaram não participar da auditoria por motivos próprios] decorre de um processo de rotina feito pelo governo daquele país, procedimento bastante comum em negociações sanitárias internacionais”.

    De acordo com o ministério, a exportação da carne brasileira para a Rússia está assegurada, pois mais de 60 frigoríficos estão habilitados a fazer a comercialização tanto da carne bovina como da suína, informou Agência Brasil.

    Mais:

    América Latina seguirá sendo o maior exportador de carne para a Rússia em 2015
    Rússia detém 38% das exportações da carne suína brasileira
    Exportações da carne brasileira dependem do mercado russo
    Tags:
    embargo, carne, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Rússia, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar