22:03 09 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    0 43
    Nos siga no

    A Presidente Dilma Rousseff não fará seu tradicional pronunciamento em cadeia nacional de rádio e TV ao povo brasileiro do Dia do Trabalho, 1º de maio. A fala acontece desde que assumiu o seu primeiro mandato, em 2011, mas a chefe de Estado e a coordenação política do governo preferiram não fazê-la este ano.

    Dilma sofreu com protestos na última vez que se dirigiu à nação, no Dia Internacional da Mulher, 8 de março, mas o ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social, Edinho Silva, garante que não há temor de outras manifestações. A ideia é estabelecer um diálogo com os brasileiros via redes sociais. Ele afirmou que o governo está apenas valorizando uma nova forma de comunicação.

    Edinho Silva afirmou que Dilma continuará fazendo pronunciamentos em cadeia nacional de rádio e TV “quando for necessário” e que ela não tem receio de manifestações que sejam oriundas da construção de um Brasil democrático.

    Tags:
    medo, temor, cadeia nacional, desistência, rádio, pronunciamento, manifestações, protestos, TV, redes sociais, Dia do Trabalho, Dia Internacional da Mulher, Edinho Silva, Dilma Rousseff, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar