11:55 22 Outubro 2017
Ouvir Rádio
    Cédula de real.

    IBGE: Economia brasileira cresceu 0,1% em 2014

    Marcos Santos / USP Imagens
    Brasil
    URL curta
    0 7921

    A economia brasileira cresceu 0,1% em 2014, em comparação com o ano anterior. O Produto Interno Bruto (PIB), soma de todos os bens e serviços produzidos no país, fechou o ano em R$ 5,52 trilhões, segundo dados divulgados hoje (27) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

    No quarto trimestre, o PIB teve crescimento de 0,3% na comparação com o terceiro trimestre de 2014. Na comparação com o último trimestre de 2013, o PIB teve queda de 0,2%.

    O crescimento de 0,1% em 2014 foi puxado pelos setores de serviços, que tiveram alta de 0,7% no ano, e de agropecuária, que avançou 0,4%. Com queda de 1,2%, a indústria impediu um crescimento maior do PIB no ano.

    Nota de real.
    Fotos Públicas / Rafael Neddermeyer
    Sob a ótica da demanda, houve um avanço de 0,9% no consumo das famílias e um crescimento de 1,3% no consumo do governo. A formação bruta de capital fixo, que representa os investimentos, caiu 4,4% no ano. As exportações caíram 1,1%, enquanto as importações tiveram queda de 1% no período.

    Já o Produto Interno Bruto per capita brasileiro, cálculo que leva em consideração o tamanho da economia brasileira em relação à população, caiu 0,7% na passagem de 2013 para 2014. Isso porque apesar de o PIB ter crescido 0,1%, a população brasileira teve um crescimento maior que o da economia. Assim, o PIB per capita acabou tendo desempenho negativo, fechando 2014 em R$ 27.229. Em 2013, o PIB per capita havia crescido 1,8% em relação a 2012.

    As contas nacionais brasileiras de 2014 foram calculadas com base em nova metodologia internacional, que está sendo adotada por todos os países. Com a nova metodologia, o IBGE também revisou os crescimentos do PIB em 2012 e 2013. Em 2012, a taxa de crescimento passou de 1% para 1,8%. Em 2013, a taxa passou de 2,5% para 2,7%.

    Mais:

    Brasileiros estão pessimistas quanto à economia do país
    OCDE: Economia do Brasil deve cair 0,5% em 2015
    Diretor-executivo do FMI: “Economia mundial dá sinais de recuperação”
    Tags:
    PIB, economia, IBGE, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik