23:26 30 Abril 2017
Ouvir Rádio
    Homem recebe tratamento durante feira estética em São Paulo
    © AFP 2017/ Nelson Almeida

    “Turismo estético” alavanca turismo de negócios no Brasil

    Brasil
    URL curta
    0 19812

    O turismo de eventos é o segundo maior fator de atração de visitantes estrangeiros para o Brasil, responsável por 25,6% dos turistas internacionais no país. E, de acordo com o Ministério do Turismo, os eventos de estética vêm impulsionando o turismo de negócios, sendo a capital paulista o principal destino brasileiro do turismo desses eventos.

    Juntando os meses de março e abril, estão sendo realizados 23 eventos de estética em São Paulo, com um público previsto de mais de 145 mil participantes.

    De acordo com estatísticas do ICCA – International Congress and Convention Association, nos últimos 10 anos os congressos e convenções de negócios realizados no Brasil registraram um aumento de cerca de 400%. Entre os anos de 2003 e 2013, o total de eventos passou de 62 para 315. No mesmo período, o número de cidades que sediaram eventos de estética subiu 145%, passando de 22 para 54.

    O ministro do Turismo, Vinicius Lages, destaca a importância de dar apoio para esse tipo de turismo diferenciado, que pode ajudar na expansão da economia desse setor no país. “Essa é uma área em que o Brasil pode crescer muito. Um segmento que merece atenção, e estamos apoiando muito, a fim de fazer com que o setor se torne um dos motores da economia do turismo no país”, diz o ministro.

    Ainda de acordo com levantamento da Associação Latino-Americana de Gestores de Eventos e Viagens Corporativas, em parceria com o Senac – Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial, as viagens corporativas representam 74,5% dos deslocamentos de turistas no país. A expectativa para 2015 é de que o segmento movimente R$ 43,4 bilhões, um crescimento de 8% em relação ao ano passado.

    As viagens para tratamento estético, como spas, são classificadas como turismo de saúde, bem como atividades turísticas decorrentes do uso de meios e serviços para fins médicos e terapêuticos.

     

    Tags:
    turismo, ALAGEV, ICCA, Senac, Vinicius Lages, São Paulo, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik