20:41 23 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    2302
    Nos siga no

    A Guarda Costeira do Japão avistou um sistema portátil de mísseis terra-ar em um dos navios de patrulha norte-coreanos que entraram na zona econômica exclusiva do Japão, segundo mídia.

    Um dos navios estava equipado com um sistema portátil de mísseis terra-ar, similar ao SA-16, desenvolvido pela União Soviética, com um alcance de 4,5 quilômetros.

    Um sistema de mísseis similar estava montado em uma embarcação de reconhecimento da Coreia do Norte que afundou em 2001 próximo da ilha Amami Oshima durante um confronto com um navio-patrulha do Japão.

    A primeira vez que um navio norte-coreano com sistema portátil de mísseis terra-ar foi avistado, foi no mar do Japão (também conhecido como mar do Leste).

    A Guarda Costeira japonesa tomou medidas para garantir a segurança dos barcos pesqueiros do país.

    Nos últimos anos, escunas de pesca norte-coreanas e chinesas têm surgido frequentemente na zona econômica exclusiva do Japão próximo de Yamatotai, no mar do Japão.

    Contudo, em junho, durante a temporada de pesca de lula, as escunas norte-coreanas não entraram na área. Ao invés disso, a Guarda Costeira japonesa começou a avistar navios-patrulha da Coreia do Norte na área, segundo a emissora NHK.

    Mais:

    Programa nuclear da Coreia do Norte está avançando 'a todo vapor', alerta chefe da AIEA
    Coreia do Norte está pronta para negociar com Coreia do Sul o fim formal da guerra de 71 anos
    Coreia do Norte alerta para acordo 'indesejável e perigoso' entre EUA e Austrália, diz mídia
    Tags:
    Coreia do Norte, Japão, Mar do Japão, Guarda Costeira, Guarda Costeira do Japão, navio, navios, navio-patrulha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar