11:02 22 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    889
    Nos siga no

    Ao menos quatro pessoas morreram em ataque na capital da província de Nangarhar nesse sábado (2), informa o canal de televisão TOLO News, citando autoridades locais.

    Segundo informou a agência TOLO News neste sábado (2), ao menos dois civis e dois membros do Talibã (organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países) foram mortos em um ataque na cidade de Jalalabad, na província de Nangarhar. A província, situada no leste do país, tem forte presença de militantes do Daesh (organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países).

    Nenhum grupo militante assumiu a responsabilidade pelo ataque.

    Segundo outras fontes, da Aamaj News, três pessoas morreram no ataque, entre eles o jornalista Sayed Maruf Sadat. De acordo com a fonte, um desconhecido armado abriu fogo contra os presentes.

    A situação no país se agravou após os EUA anunciarem a retirada de suas tropas do país, o que provocou o avanço do grupo islamista Talibã. Em 15 de agosto, os membros do grupo entraram na capital, Cabul, e no dia seguinte declararam o fim da guerra civil no país.

    Nas últimas semanas de agosto, milhares de pessoas foram evacuadas do aeroporto de Cabul. Em 30 de agosto, os últimos militares dos EUA partiram do Afeganistão, pondo fim a 20 anos de presença armada norte-americana no país.

    No início de setembro, o Talibã anunciou a composição do governo transitório, liderado pelo mulá Mohammad Hassan Akhund, antigo ministro das Relações Exteriores do Talibã nos anos 2000.

    Mais:

    Mesmo sem reconhecer governo talibã, EUA autorizam transações para ajuda humanitária no Afeganistão
    Talibã teria encontrado US$ 6 milhões e ouro na casa do 'presidente interino' afegão Saleh (VÍDEO)
    Ex-assessor de antigo presidente do Afeganistão Ghani: talibãs continuam se vingando dos afegãos
    Tags:
    Afeganistão, Talibã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar