08:02 16 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    5634
    Nos siga no

    Uma decisão unilateral dos fuzileiros dos EUA implantados na ilha japonesa de Okinawa de despejar águas residuais contaminadas com ácido tóxico no sistema de esgotos da cidade de Ginowan provocou um escândalo no Japão.

    O governo japonês apresentou um pedido de desculpas formal ao prefeito da cidade afetada pelas ações das tropas norte-americanas estacionadas na localidade, informa The Asahi Shimbun.

    Nesta semana, funcionários do Ministério da Defesa e do Ministério do Ambiente visitaram Okinawa para discutir o despejo de águas residuais da estação aérea do Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA de Futenma em 26 de agosto, que foi feito sem o consentimento das autoridades locais.

    De acordo com o jornal, os americanos notificaram os funcionários japoneses em Tóquio e Ginowan sobre seu plano com menos de uma hora de antecedência.

    Cerca de 64.000 litros de água contaminada com uma substância perigosa chamada ácido perfluorooctanossulfónico (PFOS) foram despejados no sistema de esgotos da cidade.
    Manifestações contra a base aérea militar dos EUA em Okinawa, Japão
    © AFP 2021 / YOSHIKAZU TSUNO / AFP
    Manifestações contra a base aérea militar dos EUA em Okinawa, Japão

    O problema é que o PFOS é um dos chamados poluentes orgânicos persistentes (POPs), que são muito resistentes à degradação natural e apresentam grande capacidade para a "bioacumulação" em organismos vivos.

    Responsáveis militares dos EUA alegaram que a concentração de PFOS na água era segura, mas as autoridades japonesas discordaram, afirmando que a água não poderia ser considerada segura.

    A mídia aponta que a água contaminada despejada da base de Futenma fluirá para o oceano sem qualquer tratamento, porque as instalações de processamento de esgotos do governo da prefeitura não estão equipadas para reduzir a concentração de PFOS.

    Mais:

    Vizinhos do Japão têm direito de exigir indenização pela água contaminada lançada ao mar, diz China
    Porta-voz chinesa desafia EUA a ficarem com água de Fukushima após apoiarem seu despejo no mar
    Cientistas descobrem bactérias capazes de 'devorar' metano de maneira impressionante (FOTO)
    Tags:
    Okinawa, base aérea, contaminação, substâncias tóxicas, Japão, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar