07:06 16 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    177011
    Nos siga no

    Forças da resistência mataram e feriram dezenas de membros do Talibã (organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países) em confrontos para recuperar o controle sobre distritos da província de Baghlan, disse uma fonte à Sputnik.

    Bismillah Mohammadi, ministro da Defesa do ex-governo afegão, afirmou nesta sexta-feira (20) que as forças da resistência recuperaram o controle sobre três distritos no nordeste da província de Baghlan, no nordeste do Afeganistão, do movimento Talibã.

    "Resistir aos terroristas do Talibã é meu dever. Os distritos de Pul-e-Hesar, Deh Salah e Banu, em Baghlan, foram ocupados por forças da resistência locais. A resistência ainda está viva", escreveu Mohammadi na rede social Twitter.

    Como resultado dos confrontos entre as forças de resistências e os talibãs, dezenas de membros do grupo radical foram assassinadas e outras muitas ficaram feridas, informou uma fonte da província Baghlan à Sputnik.

    O Talibã havia anunciado em 10 de agosto que tinha assumido o controle sobre Pol-e-Khomri, capital da província de Baghlan. No domingo (15), após a fuga do ex-presidente afegão Ashraf Ghani, o Talibã anunciou ter o controle total sobre as instituições oficiais de Cabul, sobre a guarda do palácio presidencial e sobre a organização de patrulhas noturnas na cidade.

    Mais:

    UE precisa agir rapidamente contra influência russa e chinesa no Afeganistão, diz Borrell
    Moscou: presença dos EUA no Afeganistão criou 'laboratório de drogas em escala mundial'
    Imagens contrastantes: por que as saídas da URSS e dos EUA do Afeganistão foram tão diferentes?
    EUA temem possíveis ataques de ramo do Daesh enquanto continuam evacuação do Afeganistão
    Tags:
    Afeganistão, Talibã, resistência, Baghlan, conflito, conflito, confronto, confrontos, confrontos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar