06:03 03 Agosto 2021
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    0 22
    Nos siga no

    Um segundo incêndio em pouco mais de 24 horas foi extinto em Bangkok na terça-feira (6), Tailândia, depois que no início da segunda-feira outro incêndio matou uma pessou e feriu dezenas.

    Na terça-feira (6), 30 pessoas ficaram feridas e uma morreu no incêndio resultante de uma explosão na fábrica química Ming Dih, perto do Aeroporto Internacional de Suvarnabhumi, Bangkok, informa a agência chinesa Xinhua.

    A vítima mortal foi um bombeiro de 19 anos.

    Embora o fogo tenha sido extinto durante as primeiras horas, os bombeiros continuaram jogando água e espuma química nas bases das chamas para esfriar a temperatura no local a fim de evitar que o monômero de estireno altamente inflamável se reacendesse, segundo o Departamento de Prevenção e Mitigação de Desastres.

    Um incêndio deflagrou novamente na fábrica da Ming Dih Chemical Co no distrito de Bang Phli, em Samut Prakan.

    Fundações de salvamento

    As causas do incidente estão sendo investigadas.

    As autoridades ordenaram um raio de evacuação de 10 km na segunda-feira (5) e disseram aos residentes locais para evitarem a exposição a quaisquer vapores da fábrica, alertando que a inalação pode causar problemas respiratórios, dor de cabeça ou coma, se houver alta exposição.

    Preocupações com o efeito ambiental do incidente na água e atmosfera continuam, adverte Atthaphon Charoenchansa, diretor-geral do Departamento de Controle de Poluição. Segundo ele, o departamento monitorará durante três dias a qualidade do ar e da água na área do acidente, devido à possibilidade de a chuva escoar os químicos para reservatórios de água, e considerou a redução das áreas de evacuação para permitir que alguns residentes possam voltar para casa.

    Um incidente semelhante no início de segunda-feira (5) matou uma pessoa e feriu dezenas de outras, além de ter emitido fumaça tóxica que poderia causar riscos à saúde, disseram as autoridades.

    A fábrica, criada por empresários de Taiwan em 1989, emitiu uma declaração na terça-feira (6), comprometendo-se a oferecer uma compensação aos afetados pelo acidente depois de o resultado da investigação ser divulgado.

    Mais:

    Incêndio provoca fortes explosões em fábrica de munições na Sérvia (VÍDEOS, FOTOS)
    Refinaria de petróleo se incendeia no estado da Virgínia Ocidental, nos EUA (FOTOS, VÍDEO)
    Explosão atinge instalação petroquímica e deixa ao menos 6 feridos no Irã (VÍDEO, FOTOS)
    Tags:
    Taiwan, Twitter, Xinhua, Bangkok, Tailândia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar