19:09 23 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    4330
    Nos siga no

    A usina hidrelétrica de Baihetan (situada entre as províncias de Yunnan e Sichuan, no sudoeste da China) iniciou sua operação oficialmente nesta segunda-feira (28).

    A usina está equipada com 16 unidades de geração de energia, cada uma com uma capacidade de um milhão de quilowatts, segundo a agência de notícias Xinhua. 

    A inauguração da obra foi celebrada com o início da operação das duas primeiras unidades. Espera-se que as demais entrem em operação em julho de 2022.

    A barragem de Baihetan tem uma altura de 289 metros e um comprimento de arco de 709 metros, devendo gerar mais de 62,4 bilhões de quilowatts de eletricidade por ano.

    Uma vez obtida a potência projetada, Baihetan se tornará a segunda maior usina hidrelétrica do mundo, superada apenas pela usina Três Gargantas, na província de Hubei, China.

    Além disso, a construção poderia economizar aproximadamente 19,6 milhões de toneladas de carvão padrão e reduzir as emissões de dióxido de carbono em 51,6 milhões de toneladas, reforçando o compromisso da China na luta contra a mudança climática.

    Mais:

    Departamento de Estado dos EUA aprova venda de caças F-16 às Filipinas em meio a tensões com China
    Depósitos em bancos da China atingem US$ 1 trilhão, diz mídia
    Primeiros casos da COVID-19 podem ter surgido em outubro de 2019 na China, afirma estudo
    Tags:
    China, usinas, usina hidrelétrica, energia, bioenergia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar