07:12 14 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    3462
    Nos siga no

    A unidade de carga Tianzhou-2 chegou ao módulo central da estação espacial da China, chamado Tianhe, após a decolagem do centro de lançamento de satélites de Wenchang, na ilha de Hainan.

    O acoplamento da espaçonave ocorreu neste sábado às 18h01 (horário de Brasília), conforme anunciou a Agência de Voos Espaciais Tripulados da China.

    O módulo Tianhe (Harmonia Celestial, em chinês) foi enviado ao espaço no dia 29 de abril e será o centro de gestão e controle da estação espacial de Pequim chamada Tiangong, ou Palácio Celestial, cuja construção é prevista para terminar no fim de 2022.

    A nave de carga transportou para a órbita 1,95 tonelada de combustível e 4,69 toneladas de outras cargas, entre as quais trajes espaciais, suprimentos e equipamento para a estação.

    A cápsula poderá ter acopladas até três naves espaciais de uma vez por pouco tempo ou duas espaçonaves se estiverem previstas estadias mais longas.

    O primeiro lançamento de uma nave de carga foi realizado em 20 de abril de 2017, quando o Tianzhou-1 transportou carga até ao laboratório espacial chinês. A nave tem massa inicial de 13,5 toneladas, 9 metros de comprimento e diâmetro de 3,35 metros. A massa da carga útil é de 6,5 toneladas.

    Mais:

    China pousa com sucesso espaçonave na Lua para recuperar rochas lunares
    Espaçonave russa destinada para exploração de planetas poderia ser usada para objetivos militares
    Espaçonave chinesa Chang'e-5 tira FOTOS formidáveis do espaço profundo
    Tags:
    lançamento espacial, lançamento, espaço, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar