10:40 16 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    563
    Nos siga no

    A comunidade de inteligência dos EUA acredita que a Coreia do Norte não está tomando nenhuma medida para alcançar uma desnuclearização "crível e irreversível". A declaração é da diretora de Inteligência Nacional, Avril Haines, nesta quinta-feira (29).

    Durante as audiências no Senado dos Estados Unidos sobre a revisão das ameaças internacionais atuais, Haines foi questionada se Pyongyang está tomando "quaisquer medidas específicas conhecidas dos EUA com o objetivo de completar a desnuclearização crível e irreversível".

    "Não, senhor", respondeu a diretora de Inteligência Nacional de forma sucinta.

    "A Coreia do Norte pode tomar ações agressivas e potencialmente desestabilizadoras para remodelar seu ambiente de segurança, e vai procurar criar barreiras entre os Estados Unidos e seus aliados", acrescentou.

    De acordo com a diretor de Inteligência Nacional, "esses esforços podem incluir a retomada das armas nucleares e testes de mísseis balísticos intercontinentais".

    Lançamento de mísseis na Coreia do Norte
    © REUTERS / KCNA
    Lançamento de mísseis na Coreia do Norte

    O programa nuclear da Coreia do Norte vem preocupando a comunidade internacional há anos, levando o Conselho de Segurança da ONU a adotar sanções contra Pyongyang.

    Após uma série de testes de mísseis e nucleares em 2017, a Coreia do Norte anunciou que havia alcançado os objetivos do programa e estava pronta para a desnuclearização.

    Mais:

    Mais pressão sobre Biden? FOTOS de satélite sugerem nova atividade nuclear da Coreia do Norte
    Conselho de Segurança da ONU revelou 'padrão duplo' sobre mísseis da Coreia do Norte, diz Pyongyang
    Coreia do Sul afirma ter capacidade e 'postura' para interceptar mísseis da Coreia do Norte
    Tags:
    mísseis, programa nuclear, inteligência, EUA, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar