16:56 14 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    1374
    Nos siga no

    A presença do Type 055 ajuda o país asiático na defesa das disputadas águas ao carregar mais armamento e melhorar cobertura chinesa na região.

    Pela primeira vez, na manhã de sábado (3), a China enviou o destróier Type 055 para acompanhar o grupo de navios, liderado pelo Liaoning, durante testes marítimos entre a ilha Okinawa e a ilha Miyako, seguindo em direção ao Pacífico, segundo o South China Morning Post.

    O movimento marítimo foi confirmado pelo Ministério da Defesa da China e levou o Japão a enviar aeronaves de patrulha marítima e destruidora para coletar informações e monitorar os deslocamentos, de acordo com a mídia.

    Além de confirmar a incursão, o Ministério da Defesa chinês também emitiu um comunicado na tarde desta segunda-feira (5) dizendo que um grupo de porta-aviões chinês estava se exercitando perto de Taiwan, e que tais exercícios se tornariam regulares.

    Destróier chinês Type 055
    © REUTERS / Jason Lee
    Destróier chinês Type 055

    Para Gabriel Dominguez, analista sênior de defesa da região Ásia-Pacífico, a adição da classe de destróieres Type 055 também poderia aumentar o poder de dissuasão da China.

    "Além de reforçar as capacidades de combate dos grupos de porta-aviões, o Type 055 pode aumentar as capacidades de dissuasão e projeção de energia do país, especialmente em meio a tensões crescentes na região. [...] Um grupo de porta-aviões levará meses para treinar em mar aberto e precisa de um navio de guerra com uma grande capacidade de navegação. Neste caso, a capacidade de combate mais duradoura do Type 055 tornará todo o grupo mais forte", disse Domiguez citado pela mídia.

    Com um deslocamento de mais de 12 mil toneladas, cerca de 180 metros de comprimento e 22 metros de largura, o Type 055 é o segundo destróier mais poderoso do mundo depois do DDG-1000 da Marinha dos EUA.

    Mais:

    Legisladores dos EUA instam Pentágono a implantar tropas para conter China
    'Não interfira em assuntos internos da China': Pequim faz alerta a Tóquio antes da cúpula Japão-EUA
    Em meio a tensões com Austrália, China mira na África ao procurar fornecedores de minério de ferro
    Tags:
    Type 055, Destróier, Mar do Sul da China, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar