23:40 18 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    5150
    Nos siga no

    Na tarde da quarta-feira (24), dois caças F-35A da Força Aérea de Autodefesa do Japão (JASDF, na sigla em inglês) tiveram de fazer aterrissagem de emergência no aeroporto de Aomori.

    De acordo com a prefeitura de Aomori, os dois caças estariam treinando sobre o mar do Japão (também conhecido como mar do Leste), até um deles ter recebido um aviso de mau funcionamento no sistema do motor, e por isso foi forçado a aterrissar com o outro caça após declarar emergência, reporta a agência de notícias japonesa NHK.

    Conforme informou a JASDF, não houve incêndio em nenhuma das aeronaves e nenhum dos pilotos ficou ferido, mas a decolagem de um voo da Japan Airlines de Aomori para o aeroporto de New Chitose foi atrasada em mais de dez minutos.
    Segundo a mídia japonesa, esta foi a primeira vez que um caça F-35A necessitou fazer uma aterrissagem de emergência no aeroporto em causa.

    O comandante da base aérea da Força Aérea de Autodefesa de Misawa, Takahiro Kubota, comentou que investigariam a causa do incidente para poder prevenir ocorrências futuras, bem como fazer o possível para garantir a segurança aérea.

    Mais:

    Caça F-35B dos EUA sofre sérios danos após ser atingido por sua própria munição
    China equipa seus caças de 4ª geração com tecnologias furtivas avançadas, diz mídia
    Japão comissiona 2º submarino com bateria de íon-lítio (FOTOS)
    Tags:
    emergência, aterrissagem, Mar do Japão, F-35A, caças, Japão
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar