21:07 11 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    1160
    Nos siga no

    Três navios chineses, incluindo um grande destróier de mísseis, foram avistados no estreito de Tsushima, ao norte da ilha de Kyushu, afirmou o Ministério da Defesa do Japão na sexta-feira (19).

    O local onde as embarcações chinesas foram avistadas é um canal do estreito da Coreia, localizado entre a Coreia e o Japão, conectando o mar do Japão, o mar Amarelo e o mar da China Oriental.

    A Força Marítima de Autodefesa Japonesa (MSDF) confirmou que um navio da classe Renhai, que é o maior destróier da China, foi avistado em águas próximas ao Japão pela primeira vez, informou a Kyodo News.

    As três embarcações chinesas não entraram nas águas territoriais japonesas e não representaram ameaça aos navios ou aviões japoneses.

    Os navios foram avistados a aproximadamente 250 quilômetros a sudoeste da cidade japonesa de Tsushima, por volta das 11h00 de quinta-feira (18), segundo a agência de notícias ANI. 

    O avistamento ocorre dias depois de o Japão e os Estados Unidos expressarem preocupações sobre uma controversa lei chinesa durante conversações a nível ministerial. Com a nova lei, a Guarda Costeira da China agora pode atirar em navios em águas disputadas.

    Após o episódio de quinta-feira, Tóquio e Washington expressaram sérias preocupações com as movimentações chinesas na região.
    Recentemente, o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Zhao Lijian, pediu para que os EUA e o Japão deixem de se intrometer nos assuntos internos da China.

    Mais:

    Japão lança 1º navio da classe de fragatas de nova geração Mogami (VÍDEOS)
    Japão rejeita reivindicação da China sobre ilhas disputadas prometendo resposta em ataque
    Japão reduz interceptações de aviões chineses devido aos 'inadequados' caças F-35, diz mídia
    Tags:
    EUA, Japão, China, destróieres, destróier, navios de guerra, navios
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar