07:02 17 Janeiro 2021
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    0 50
    Nos siga no

    As forças de paz da Rússia seguem prestando apoio para que milhares de refugiados do conflito de Nagorno-Karabakh possam retornar em seguranças para suas casas.

    De acordo com os últimos dados do Ministério da Defesa da Rússia, divulgados neste sábado (2), mais de 47 mil refugiados já voltaram da Armênia para a região onde aconteceu o conflito, contando com o apoio de soldados russos.

    "Os soldados da paz russos acompanharam outra coluna de refugiados voltando da Armênia para Nagorno-Karabakh: mais de 130 refugiados foram transferidos hoje (sábado) por ônibus de Erevan para Stepanakert. No total, mais de 47.100 refugiados já retornaram aos seus lugares de residência permanente em Nagorno-Karabakh", disse a entidade em comunicado.

    Em novembro, Erevan e Baku concordaram em encerrar o conflito em Nagorno-Karabakh: os líderes de Rússia, Azerbaijão e Armênia assinaram uma declaração trilateral sobre o cessar-fogo, pondo fim à guerra de seis semanas pela área disputada.

    Poucos dias depois, uma missão de paz formada por militares russos foi enviada à região para monitorar a trégua. O contingente russo, que instalou 23 postos de guarda em Nagorno-Karabakh, atuará na região por um período inicial de cinco anos.

    Militares da força de paz russa em uma rua da cidade de Lachin (Berdzor) em Nagorno-Karabakh
    © Sputnik / Maksim Blinov
    Militares da força de paz russa em uma rua da cidade de Lachin (Berdzor) em Nagorno-Karabakh

    Os militares russos fiscalizam o corredor de Lachin, uma área de cinco quilômetros de largura que conecta Nagorno-Karabakh à Armênia. Além de garantir o retorno seguro de refugiados para casa e de monitorar constantemente a situação e o cumprimento de cessar-fogo em Nagorno-Karabakh, as forças de paz da Rússia fornecem ainda ajuda humanitária aos moradores locais e restauram a infraestrutura civil da região.

    Mais:

    'Não há razão para uma nova guerra', afirmam autoridades de Nagorno-Karabakh
    Armênia vai se beneficiar de acordo de paz em Nagorno-Karabakh, diz Erdogan
    Rússia exige cumprimento de cessar-fogo em Nagorno-Karabakh após relatos de disparos
    Militares refutam relatos sobre 'cerco' a soldados russos em Nagorno-Karabakh
    Oficial russo morre em operação de remoção de minas em Nagorno-Karabakh
    Tags:
    Azerbaijão, Armênia, guerra, conflito, Rússia, Refugiados, Nagorno-Karabakh
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar