11:35 03 Dezembro 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    135
    Nos siga no

    O governo japonês realizou recentemente uma revisão administrativa, durante a qual revelou seu plano de produzir um novo caça a jato, capaz de responder à crescente ameaça militar chinesa na região.

    Enquanto o governo examinava seus vários projetos para conter gastos desnecessários, o ministro da Reforma Administrativa do Japão, Taro Kono, enfatizou que para promover a "política de fabricação nacional de caças da próxima geração", é importante explicar ao público como essas novas aeronaves podem "prevenir emergências" no estreito de Taiwan e perto das ilhas Diaoyu, informou o jornal Liberty Times, citado em inglês pelo jornal Taiwan News.

    Kono, também ex-ministro da Defesa, destacou que contar apenas com caças de última geração não é suficiente para defender o Japão. "Devemos fazer uma avaliação ousada e abrangente das Forças de Autodefesa Terrestre, Marítima e Aérea", ao invés de formular orçamentos de acordo com as práticas anteriores, argumenta.

    De acordo com o jornal Sankei Shimbun, o Ministério da Defesa do Japão apontou que o país possui atualmente 309 caças, enquanto a China tem pelo menos 1.080. Perante tal desproporcionalidade, o ministério afirmou que o Japão precisa desenvolver caças de alto desempenho. Deste modo, a fabricação de um protótipo em 2024 está sendo planejada, podendo o novo caça ser implantado até 2035. O custo total de desenvolvimento é estimado em US$ 9,6 bilhões (R$ 52 bilhões).

    Kono considerou anteriormente a introdução de drones capazes de transportar mísseis, com o objetivo de cortar custos. No entanto, devido à falta de experiência de desenvolvimento de drones no Japão, alguns temem que depender de importações enfraquecerá a indústria de defesa doméstica.

    Mais:

    Nova corveta russa realiza 1º teste com helicóptero a bordo no mar do Japão (VÍDEO)
    Maior acordo comercial do mundo aproxima tradicionais aliados dos EUA à China, expõe especialista
    Espionagem privatizada: aviões civis realizariam reconhecimento para EUA na costa chinesa
    Tags:
    tensão geopolítica, militar, caça, Segurança, Defesa, Japão
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar