16:12 27 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    6313
    Nos siga no

    O Conselho de Segurança da ONU pediu nesta terça-feira (29) o fim imediato dos ataques ocorridos na região de Nagorno-Karabakh, onde os confrontos entraram no terceiro dia consecutivo.

    Os países integrantes do conselho publicaram um comunicado conjunto expressando preocupação com a escalada de violência na região.

    "Os membros do Conselho de Segurança expressaram preocupação com relatos de ações militares em grande escala ao longo da linha de contato na zona de conflito de Nagorno-Karabakh. Eles condenam veementemente o uso da força e lamentam a perda de vidas e seus danos para a população civil", escreveram.

    O Conselho de Segurança da ONU também pediu para que os dois países cessem os conflitos e que deem início a negociações diplomáticas.

    "Os membros do Conselho de Segurança expressaram apoio ao apelo do Secretário-Geral para os lados pararem imediatamente os combates, diminuírem as tensões e retornarem às negociações sem demora", afirmaram.

    A tensão na região cresce desde o último domingo (27) e os recentes conflitos já deixaram dezenas de pessoas mortas e centenas de feridas.

    A região de Nagorno-Karabakh, uma região autônoma de maioria armênia, também conhecida como República de Artsakh, fica entre os dois países e declarou independência da então República Soviética do Azerbaijão em 1991.

    Mais:

    Turquia diz estar pronta para apoiar e combater ao lado do Azerbaijão
    Baku refuta relatos sobre avião armênio abatido e afirma que radares servem de prova
    Armênia afirma que forças de Karabakh destruíram 137 veículos de combate do Azerbaijão
    Tags:
    Azerbaijão, Armênia, cessar-fogo, conflitos, conflito, Conselho de Segurança da ONU, Nagorno-Karabakh
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar