17:15 18 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    0 112
    Nos siga no

    Quase 1,3 milhão de pessoas receberam ordens de evacuação imediata no Japão devido à aproximação do tufão Haishen.

    Neste domingo (6), foram emitidas ordens para a evacuação de 25 mil pessoas nas regiões sul e sudoeste do país asiático. Com isso, a evacuação já foi recomendada para 1,27 milhão de pessoas de 600 mil residências de 57 cidades, segundo publicou a emissora japonesa NHK. O Haishen já é o décimo tufão a atingir o nordeste da Ásia nos últimos dias.

    De acordo com a mídia local, o tufão está atualmente a 62 quilômetros ao sul da ilha Amami Oshima, na província de Kagoshima, movendo-se para o norte a uma velocidade de 19 km/h. Segundo publicou a emissora, a meteorologia descreve o tufão como "extremamente poderoso".

    Onda explode ao fundo, devido ao tufão Hagibis, na cidade portuária de Kiho, no Japão, em 11 de outubro de 2019
    © AP Photo / Toru Hanai
    Onda explode ao fundo, devido ao tufão Hagibis, na cidade portuária de Kiho, no Japão, em 11 de outubro de 2019

    Espera-se que o Haishen chegue à ilha de Kyushu na noite da segunda-feira (7). No ápice do fenômeno natural, os ventos na região devem chegar a quase 180 km/h.

    As autoridades meteorológicas pediram às pessoas que se preparem para o impacto do tufão, que já resultou na suspensão do tráfego ferroviário e no fechamento de instituições educacionais.

    Mais:

    Japão registra queda histórica do PIB no 2º trimestre
    Japão aciona caças para acompanhar bombardeiros russos Tu-95MS sobre Pacífico (VÍDEO)
    Primeiro-ministro Shinzo Abe deixará governo do Japão
    Tags:
    Japão
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar