00:47 27 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    3411
    Nos siga no

    A inteligência indiana analisou mapas do Google Earth e encontrou uma base subterrânea chinesa recém-construída junto a um aeródromo a menos de 500 quilômetros da fronteira indo-chinesa.

    Recentemente, a China realizou obras de infraestrutura para a sua Força Aérea no extremo oeste de seu território, onde teria construído uma base subterrânea para bombardeiros H-6, capazes de transportar ogivas nucleares, segundo dados da inteligência indiana coletados a partir de fontes abertas, informa o India Today.

    Os especialistas analisaram imagens de satélite do Google Earth, captadas nos últimos oito meses, e detectaram mudanças significativas na base aérea de Kashgar, situada na região autônoma chinesa de Xinjiang, próximo do Himalaia.

    Foram realizadas escavações junto à pista de decolagem, a uma profundidade de até 15 metros, sendo instalada uma câmara subterrânea abobadada em uma área quadrada, que os indianos consideram ser dois novos hangares subterrâneos para aviões.

    Bombardeiro estratégico chinês H-6 (foto de arquivo)
    © REUTERS
    Bombardeiro estratégico chinês H-6 (foto de arquivo)

    O jornal indiano, citando fontes anônimas, afirma que as instalações subterrâneas poderiam abrigar armas secretas ou ogivas nucleares. O objetivo da construção seria evitar o transporte de armas nucleares a partir do exterior da base.

    Uma instalação dessa envergadura poderia abrigar de duas a quatro ogivas e possuir um sistema automatizado de transporte, explica o India Today.

    A mídia indiana destaca que a base aérea chinesa se encontra a 475 quilômetros de Karakorum e a 690 quilômetros da área onde, em junho passado, ocorreram conflitos entre militares dos dois países.

    Mais:

    Novo bombardeiro nuclear chinês Xian H-20 poderá causar problemas aos EUA no Pacífico, diz mídia
    Taiwan: bombardeiros americanos voam perto da ilha após exercícios da China
    Bombardeiros dos EUA sobrevoam região disputada por Pequim no mar do Sul da China (FOTOS)
    Tags:
    China, Força Aérea, ogivas nucleares, ogiva nuclear, bombardeiro nuclear, bombardeiros, Bombardeiro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar