22:32 11 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    151
    Nos siga no

    No momento, as pessoas que estiveram em contato com a vítima, que tinha 15 anos, estão isoladas. Trata-se do terceiro caso de peste bubônica a ser relatado recentemente na Mongólia.

    O diretor do Departamento de Relações Públicas e Vigilância do Ministério da Saúde da Mongólia, Dorj Narangerel, afirmou que, de acordo com resultados preliminares de exames laboratoriais, o garoto foi diagnosticado com peste bubônica.

    Os resultados oficiais dos testes serão publicados nos próximos dias, publicou a agência Xinhua.

    O adolescente teria comido carne de marmota com dois amigos e faleceu três dias depois, afirmou Narangerel.

    Marmota (imagem de arquivo)
    © Foto / Pixabay / skeeze
    Marmota (imagem de arquivo)

    Os dois amigos e outras 15 pessoas que tiveram contato com eles foram isoladas e tratadas em hospitais locais. A autoridade reforçou o alerta para que os cidadãos não comam carne de marmota.

    Este é o terceiro caso da doença na Mongólia. Outros dois casos foram diagnosticados recentemente na cidade de Hhovd, próxima de Govi-Altai, também após a ingestão de carne do roedor crua.

    A peste bubônica é uma doença bacteriana espalhada por pulgas que vivem em roedores selvagens, como a marmota. A doença pode matar um adulto em menos de 24 horas se não for tratada a tempo, de acordo com a Organização Mundial da Saúde.

    Mais:

    Desmatamento na Amazônia e crise do coronavírus: analistas preveem Brasil isolado
    Argentina passa marca de 100.000 casos do novo coronavírus
    Achado na Itália galeão que teria naufragado durante peste negra no século XVI (FOTOS)
    Tags:
    Ásia, vítima, doença, Mongólia, peste
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar