11:35 29 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    92913
    Nos siga no

    Em meio a elevada tensão com a China na sequência das escaramuças fronteiriças entre tropas dos dois países que causaram 20 baixas indianas, Índia desloca tropas para zona em disputa.

    A Índia estacionou várias aeronaves militares em bases aéreas próximas à fronteira com a China e deslocou vários helicópteros Apache com mísseis ar-superfície Hellfire, assim como helicópteros Chinook, para o leste de Ladakh, uma área em disputa com a China nos Himalaias.

    Segundo informa The Times of India, o governo indiano está desta forma dando um claro sinal a Pequim que está pronto para uma escalada, caso a disputa pela zona fronteiriça descambe.

    As forças foram mobilizadas para a área após o recente confronto entre as partes, que ceifou a vida de 20 militares indianos, mortos a pedradas e pauladas.

    O jornal também noticiou que caças Su-30MKI, MiG-29 e Jaguar foram enviados para a área ao longo desta semana e que a China igualmente tem vindo a concentrar forças do seu lado da fronteira.

    "A China cruzou nossas linhas vermelhas matando brutalmente 20 de nossos soldados em um ataque premeditado", segundo disse uma fonte militar citada pelo jornal, que garante que as tropas indianas estão "totalmente preparadas para qualquer escalada. Todas as medidas necessárias foram tomadas", afirmou.

    Índia e China culpam-se mutuamente de provocarem o confronto de 15 de junho, mas ambos os lados declararam oficialmente que o conflito será resolvido pacificamente através dos canais diplomáticos.

    Indianos durante funeral do soldado Satnam Singh morto durante embate entre tropas indianas e chinesas no vale de Galwan. Durante o conflito, 20 militares da Índia faleceram
    © AFP 2020 / Narinder Nanu
    Indianos durante funeral do soldado Satnam Singh morto durante embate entre tropas indianas e chinesas no vale de Galwan. Durante o conflito, 20 militares da Índia faleceram.

    Contudo, o primeiro-ministro indiano Narendra Modi anunciou em 19 de junho ter dado ao Exército "total liberdade para tomar medidas corretivas" na área de fronteira para impedir qualquer violação do território indiano.

    Mais:

    Exército chinês realiza manobras nas montanhas do Tibete em meio a tensões com Índia (VÍDEO)
    China teria ensaiado rápida implantação de tropas em meio a tensões com Índia (VÍDEO)
    Obuseiros mais potentes da China participam de exercícios em meio a tensões com Índia (FOTOS)
    Tags:
    disputa territorial, Índia, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar