18:28 28 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    2122
    Nos siga no

    Embora imagens recentes publicadas pela televisão norte-coreana e mostrando o líder sorridente inaugurando uma fábrica tenham, de certa forma, dissipado alegações sobre saúde precária de Kim, os rumores persistem.

    Três semanas decorridas sobre a cerimônia de corte de fita e com Kim de novo fora da ribalta, reacenderam com mais veemência as especulações sobre seu estado de saúde.

    Com as autoridades norte-coreanas permanecendo em silêncio sobre as contínuas alegações de que Kim Jong-un poderia estar gravemente doente ou mesmo morto, uma alta patente da segurança militar alegou que uma estrada usada exclusivamente pelo líder na cidade de Samjiyon, onde se diz que os norte-coreanos colhem plantas medicinais especiais para venda, testemunhou atividade intrigante alguns dias atrás.

    Movimentações estranhas

    "A partir de 9 de maio, o Comando Supremo da Guarda intensificou subitamente seu controle sobre uma estrada, exclusivamente utilizada pelo líder em direção à mansão, por um período de 10 dias", afirmou sob anonimato uma fonte na província de Ryanggang ao jornal Daily NK.

    A fonte explicou que a estrada utilizada exclusivamente por Kim seria normalmente patrulhada uma vez por dia por uma equipe de dois homens, porém, durante o referido período, "um posto de sentinela móvel foi montado a cerca de 50 metros da entrada da estrada e um único guarda armado ficava ali, com mudança de turno a cada duas horas", acrescentou a fonte.

    A fonte também afirmou que os funcionários do Comando Supremo da Guarda que protegem Kim foram vistos patrulhando a estrada com equipamento de "tempo de guerra".

    Diz-se que a estrada tem sido usada com frequência por Kim quando ele se dirige à sua mansão em Samjiyon, uma de suas múltiplas residências no país.

    Kim Yo-jong

    As revelações vêm na sequência de uma série de alegações de que sua irmã Kim Yo-jong, que supostamente estaria sendo especialmente preparada para suceder a Kim Jong-un caso algo lhe aconteça, tem administrado a sala 39, um misterioso departamento que angaria dinheiro no país.

    Kim Yo-jong, irmã do líder da Coreia do Norte Kim Jong-un, durante cerimônia em Hanói, Vietnã (imagem de arquivo)
    © AP Photo / Pool / Jorge Silva
    Kim Yo-jong, irmã do líder da Coreia do Norte Kim Jong-un, durante cerimônia em Hanói, Vietnã (imagem de arquivo)

    Esta divisão estaria alegadamente envolvida em contrabando de ouro, drogas, viagra falsificado, etc., para que o país arrecade fundos suficientes para prosseguir programas nucleares, denunciaram os EUA.

    Marechal cai em desgraça?

    Enquanto isso, em uma reportagem recente da NK News, o emblema de Comandante Supremo de Kim Jong-un foi apagado da TV norte-coreana. A mídia indicou que o emblema de marca, composto por uma estrela e coroa de folhas de marechal, estava faltando em vários programas sobre Kim e encoberto em um trecho que é transmitido diariamente na Televisão Central coreana.

    Líder norte-coreano Kim Jong-un durante visita a fábrica de fertilizantes recém-construída em seu país, em 2 de maio de 2020
    © REUTERS / KCNA
    Líder norte-coreano Kim Jong-un durante visita a fábrica de fertilizantes recém-construída em seu país, em 2 de maio de 2020

    Rumores sobre a saúde e o bem-estar de Kim têm circulado na imprensa internacional e nas redes sociais depois que ele não compareceu ao importante e marcante evento nacional de 15 de abril – o aniversário de seu avô e data de fundação da Coreia do Norte.

    No início de maio, a agência de notícias KCNA divulgou fotos com Kim inaugurando uma fábrica de fertilizantes, com a notícia dando um grande golpe nos rumores, que iam desde uma cirurgia cardíaca ao líder mal feita até ele estar prostrado em seu leito de morte.

    No entanto, a inteligência americana aparentemente não terá sido capaz de confirmar a veracidade das imagens, parecendo não estar convencida sobre a boa saúde de Kim até indícios em contrário.

    Mais:

    Serviços secretos sul-coreanos sugerem causas do 'desaparecimento' de Kim Jong-un
    Pompeo: com ou sem Kim, EUA manterão esforços para desnuclearizar a Coreia do Norte
    Pyongyang teria preparado inauguração de fábrica em 48 horas para mostrar que Kim Jong-un está vivo
    Tags:
    Kim Jong-un, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar