15:40 09 Abril 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    0 10
    Nos siga no

    Passageiros idosos do cruzeiro sob quarentena devido ao coronavírus no Japão começaram a deixar o navio nesta sexta-feira (14). Eles terminarão período de isolamento em locais determinados pelo governo. 

    Todos as pessoas que estão deixando a embarcação testaram negativo para o novo coronavírus.

    Segundo o governo, até o momento 11 idosos saíram do cruzeiro, informou a agência AFP. Após desembarcar, o grupo foi levado para as instalações indicadas em ônibus. O motorista vestia avental, máscara e óculos. 

    Não há informações de quantas pessoas poderão deixar o navio. 

    Estão sendo priorizados passageiros com 80 anos ou mais e que apresentam condições ruins de saúde, ou que estejam em cabines sem janelas. 

    Até o momento, há 219 casos do novo coronavírus no navio - 218 pessoas que estavam a bordo e um profissional de saúde. A embarcação está em isolamento na costa de Yokohama, onde ficará em quarentena até o dia 19 de fevereiro.  

    Infectados estão sendo levados para hospitais

    Os infectados com a doença, batizada de COVID-19, estão sendo levados para hospitais no Japão. Dez casos são considerados graves. 

    Quando chegou no Japão, na semana passada, o cruzeiro levava mais de 3700 pessoas. 

    Na quinta-feira (13), uma mulher de 80 anos com o vírus morreu no hospital - primeiro óbito no país de alguém infectado com o novo coronavírus. Ela não estava no cruzeiro. As autoridades japonesas, no entanto, ainda não sabem se a causa da morte foi o COVID-19. 

    De acordo com os dados mais recentes, o número de mortes por esta doença chega a quase 1.400, a grande maioria na China, enquanto o de pessoas infectadas em todo o mundo atingiu 65.200, das quais quase 6.000 conseguiram se recuperar.

    Mais:

    Exames mostram que brasileiros repatriados da China não têm coronavírus
    Cruzeiro recusado por 5 países com receio de coronavírus atracará no Camboja
    Número de suspeitos de coronavírus no Brasil cai para 6, diz Ministério da Saúde
    Alta do dólar se deve principalmente à taxa de juros e ao coronavírus, diz economista
    Tags:
    China, idosos, embarcação, navio, saúde, doença, vírus, Japão
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar