15:08 01 Abril 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    7821
    Nos siga no

    Três aviões da Força Aérea dos EUA, incluindo dois bombardeiros B-52, voaram perto de Taiwan nesta quarta-feira (12), relatou o Ministério da Defesa da ilha, segundo mídia.

    Segundo a Reuters, a manobra aconteceu depois que a Força Aérea de Taiwan se despistou no início da semana para interceptar caças chineses.

    Nos dias 9 e 10 de fevereiro, as tensões aumentaram entre Taiwan e a China, que reivindica a ilha como sua, quando Taipé enviou caças F-16 para monitorar os bombardeiros e caças chineses que se aproximavam.

    Pequim realiza esses sobrevoos desde 2016, e acredita que o presidente taiwanês Tsai Ing-wen, que ganhou a reeleição em janeiro deste ano, deseja impulsionar a independência formal da ilha.

    Manobras de proteção

    O Ministério da Defesa de Taiwan afirmou que um MC-130 dos EUA, uma aeronave de missão especial instalada em um C-130 Hercules, voou pelo estreito de Taiwan na direção sul. Os dois bombardeiros B-52 contornaram a costa leste de Taiwan, também em direção ao sul, declarou o ministério.

    As Forças Armadas de Taiwan monitoraram os dois voos e informou, sem dar mais detalhes, que nada fora do normal foi observado.

    Os EUA são os mais importantes apoiadores internacionais de Taiwan, mesmo na ausência de laços diplomáticos formais, e são também a principal fonte de armas da ilha. A Força Aérea americana tem uma base importante na ilha japonesa do sul de Okinawa, que fica perto de Taiwan.

    Bombardeiro estratégico B-52 da Força Aérea dos EUA (foto de arquivo)
    © AP Photo / Mindaugas Kulbis
    Bombardeiro estratégico B-52 da Força Aérea dos EUA (foto de arquivo)

    A China descreveu seus recentes exercícios como ações para proteger a soberania nacional.

    A porta-voz do Ministério das Relações Exteriores de Taiwan, Joanne Ou, declarou anteriormente que as atividades militares chinesas só tinham causado tensões na ilha e prejudicado o desenvolvimento pacífico das relações através do estreito.

    Mais:

    Taiwan desafia Pequim e firma acordo com EUA para criar centro de manutenção de caças, diz mídia
    China envia caça e bombardeiro para costa de Taiwan (FOTO)
    China monitora de perto navio dos EUA no estreito de Taiwan
    Tags:
    B-52, China, Força Aérea dos EUA, Taiwan
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar