14:21 22 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    657
    Nos siga no

    Ex-diplomata norte-coreano, que desertou para a Coreia do Sul em 2016, deve fazer sua estreia na vida pública em abril deste ano. Dissidente é autor de best-seller e pode concorrer a posto na capital, Seul.

    O dissidente Thae Yong-ho, ex-vice-embaixador da Coreia do Norte no Reino Unido, deve concorrer nas próximas eleições gerais sul-coreanas, previstas para serem realizadas em abril.

    Thae irá concorrer a um cargo pelo partido conservador Liberdade para a Coreia, informou a agência de notícias local Yonhap.

    O presidente do partido, Kim Hyong-o, disse a repórteres que o partido ainda buscava a candidatura ideal para o norte-coreano, acrescentando que o posto deveria garantir que Thae "tivesse papel positivo".

    "[Thae] é uma pessoa que arriscou a sua vida pela liberdade. Como uma pessoa que entende a tristeza de 10 milhões de famílias separadas sendo um dos 25 milhões de norte-coreanos, ele pode ser a pessoa ideal para apresentar uma visão para a paz e transmitir a posição da Coreia do Sul", declarou Hyong-o.

    Para Hyong-o, uma candidatura na capital Seul seria ideal para o norte-coreano. As eleições gerais devem ocorrer em 15 de abril de 2020.

    Entrada da Embaixada da Coreia do Norte em Londres, aonde trabalhou Thae Yong Ho (foto de arquivo)
    © AP Photo / Frank Augstein
    Entrada da Embaixada da Coreia do Norte em Londres, aonde trabalhou Thae Yong Ho (foto de arquivo)

    Thae Yong-ho desertou de seu posto no Reino Unido rumo à Coreia do Sul com a sua família em 2016.

    Em maio de 2018, o norte-coreano publicou um livro de memórias sobre sua carreira de diplomata que foi campeão de vendas na Coreia do Sul, vendendo 10.000 cópias em somente quatro dias.

    Mais:

    Mísseis mais velozes e novas ogivas: como a Coreia do Norte poderá avançar seus programas em 2020
    Coreia do Norte não está 'obrigada' a restringir testes nucleares ou de mísseis, diz diplomata
    Coreia do Norte divulga VÍDEO de Kim Jong-un galopando a cavalo na 'montanha sagrada da revolução'
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar