09:37 27 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    593
    Nos siga no

    Militar tailandês efetuou disparos contra várias pessoas matando 26 e ferindo pelo menos 63 em shopping na cidade de Nakhon Ratchasima, além de fazer 16 reféns.

    Durante o início do ataque, o soldado matou seu superior e outros dois militares em uma base no distrito de Muang.

    Logo em seguida, o soldado, roubando um veículo, iniciou disparos contra civis enquanto se dirigia ao shopping Terminal 21 no mesmo distrito.

    Segundo o jornal Bangkok Post, o militar ainda fez uma transmissão ao vivo dos disparos pelo Facebook e tirou uma selfie com um rifle.

    Até o momento se sabe que 26 pessoas morreram, enquanto pelos menos 63 ficaram feridas. Também foi informado que 16 reféns ficaram sob poder do atirador.

    De acordo com o tenente-general do Exército tailandês Thanya Kriatisarn, comandante da Segunda Região do Exército, policiais e militares estão procurando o autor do ataque, identificado como o soldado Jakrapanth Thomma, da base de Surathampithak.

    Em uma publicação no Twitter o atirador aparece com um fuzil em suas mãos.

    Em outro vídeo também é possível ouvir tiros no local do ataque.

    Durante a ação, o militar teve sua conta no Facebook bloqueada.

    Mais:

    Cão fiel salva dono de píton gigante na Tailândia (FOTO)
    Cobra de 3 metros é apanhada em porão de casa na Tailândia
    Prisioneiro foragido envia cartão postal para diretores da prisão: 'Saudações da Tailândia'
    Tags:
    feridos, mortos, Tailândia, tiroteio, ataque
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar